22.3 C
Rondonópolis
, 13 julho 2024
 
 

Matraca

Leia Mais

- PUBLICIDADE -spot_img

TÚNEL DO TEMPO

Fundado em 1975, nosso personagem fez sucesso na área gastronômica em Rondonópolis. Os primeiros donos foram os empresários Paulão e Edilma. Era ponto de encontro da juventude na época, bem como de comemorações diversas, além de jantares mais requintados, com diversos pratos. Ah, e o pessoal não esquece o choppinho gelado!

Localizado na esquina da Avenida Amazonas com a Rua Fernando Correa da Costa, o restaurante acabou tendo um dos prédios mais modernos para esse tipo de estabelecimento na cidade em sua época de atuação.

Funcionou até a década dos anos 2000 em Rondonópolis, sendo adquirido depois pelo empresário Ivonei Resmini, que o transformou no atual Galles Restaurante, também com grande tradição na nossa região central.

O personagem do Túnel do Tempo é nada mais nada menos que o tradicional O Galpão, que fez história na vida gastronômica de Rondonópolis.


 

BOLA MURCHA

O nosso leitor Afranio Lisboa, morador do Cidade Salmen, até que tentou matar a charada. Mostrou que também é da turma antiga e mandou esta: “Esta esquina ai é da Rua Otávio Pitaluga com a Av. Mal Dutra, onde foi fundado uma Casa que enriqueceu a vida noturna de Rondonópolis. O nome não lembro bem, mas era algo assim como “Cabana Bambu”… lembro que era tipo uma cabana de madeiras rústicas e coberta de palha. Ah! Hoje funciona lá um distribuidor de gás.”

O Afranio, mesmo contando mais esse capítulo da história de Rondonópolis, vai ter que ir pra o tacho mesmo e como o Matraca não perdoa, como consolo, fica com o Troféu Bola Murcha, por dois motivos: Primeiro, errou de esquina; e segundo nem o nome do Restaurante soube afirmar com certeza.


 

BOLA CHEIA

Novamente, foram muitos os palpiteiros que acionaram o Matraca nesta semana e quiseram participar do Túnel do Tempo, relembrando um estabelecimento que marcou a vida de muita gente em Rondonópolis.
Os primeiros palpiteiros foram os tradicionais Dr. Cleo e a esposa Sônia Campos, moradores na Vila Aurora ll, que apostaram no Restaurante Galpão – local onde hoje é localizado o Galles Restaurante. Na mosca, doutor.

Nosso amigo, dr. Ednaldo de Carvalho Aguiar, disse que o “Túnel do Tempo retrata a badalada esquina da Avenida Amazonas com a Rua Fernando Correa da Costa, onde funcionou durante décadas o restaurante O Galpão, com excelente cardápio e cerveja gelada, procurado principalmente aos domingos, depois da Missa da Matriz. Programa infalível!”.

O empresário Anisio Dias deu uma aula de história rondonopolitana aqui para o Matraca. “O local do Túnel desta semana era o famoso O Galpão que, em sua atividade de muito sucesso, teve como primeiros proprietários o saudoso Paulão, que abriu várias casas de festa e restaurantes em Rondonópolis, e minha tia Edilma Braga, do cartório distribuidor do Fórum, fazendo grande sucesso.

Depois venderam para uma família vinda de São Paulo que está aqui até hoje, representada pelo hoje corretor Carlos Bilo. O Galpão era localizado na esquina da Fernando Corrêa com a Avenida Amazonas, onde hoje ainda funciona o restaurante do amigo Ivonei Resmini. Grandes lembranças, viu! PS: em tempo, esta família Resmini poderia ser homenageada também, pois a família inteira tem vários restaurantes na cidade”, cobrou.

A nossa fiel participante Silvia Maria Ferreira, moradora do Jardim Paulista, relatou: “O Matraca dessa semana deu saudade dos velhos tempos… Como sou da velha guarda… É goiabada com queijo! Anota aí esse local foi o point da época: O Galpão, que era de propriedade do Paulão. Hoje é o Galles, do Resmini”.

O Agnaldo Mattos, da Vila Operária, lembrou da qualidade da culinária do local. “Esse restaurante era diferenciado, servia cada prato gostoso, aquela coca geladinha. Os proprietários eram sempre gentis com seus clientes, esse restaurante fazia a diferença em Rondonópolis”, garantiu.

Mesmo os mais jovens participaram do enigma e deram seus palpites, como o Junior Garcia, do Centro. “O restaurante mostrado no jornal de hoje é o GALPÃO…Av. Amazonas com Fernando Correa… Não sou VELHO mas lembro demais… kkk”, repassou para o Matraca.

Nosso correspondente no Rio de Janeiro enviou: “O Matraca da semana é o inesquecível Galpão, e nos traz lindas lembranças da nossa juventude. Sou o Lelo Carioquinha e o Rio está lindo. Abraços”.

A lista vai se estendendo com outras participações, como do Manoel Ramos Closs, do Residencial Santa Marina, o Cristovão Alves, que também foram bem-sucedidos em seus palpites… e segue a lista dos muitos acertadores.

 

- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- PUBLICIDADE -

Mais notícias...

Pista de skate danificada: Empresa foi notificada há 7 meses e até agora nada foi feito

Mais de sete meses depois da prefeitura notificar a empresa responsável, para que promovesse os reparos necessários na pista...
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Mais artigos da mesma editoria

- Publicidade -spot_img