24.3 C
Rondonópolis
, 22 maio 2024
 
 

Mulher, apologia ao amor e à vida

Leia Mais

- PUBLICIDADE -spot_img
(*) Jorge Manoel

Mulher, bendita essência e origem da vida.
Apologia ao amor em seu ser encantado.
Com teu sorriso, a esperança renasce,
e o mundo se torna mais colorido e iluminado.

Teus olhos são estrelas cintilantes.
Refletindo o brilho da mais pura emoção.
São faróis que guiam os corações errantes,
norteando-nos na busca da verdadeira razão.

Mulher, és a água que a nossa cede sacia.
Fonte de vida que irriga a terra árida e improdutiva.
Com tua presença, o mundo floresce e irradia,
e o amor transforma-se em ações significativas.

Em teus braços, encontramos abrigo.
Segurança e conforto a cada passo dado.
És a base sólida, o alicerce da família.
És mãe, esposa, filha, amiga, diamante lapidado.

Mulher, apoio incondicional na travessia,
do caminho incerto dessa existência terrena.
Tu és a própria essência do amor e da vida.
Símbolo de força, resistência e de beleza serena.

Que a tua existência seja celebrada todos os dias.
Que teu valor seja reconhecido e exaltado.
Pois, mulher, és a luz que guia nossos caminhos.
Apologia ao amor e à vida, ser magnificado.

(*) Jorge Manoel é jornalista, professor, intérprete e poeta

 

- PUBLICIDADE -spot_img
« Artigo anterior
Próximo artigo »

4 COMENTÁRIOS

  1. Obrigado, Eidinéia e Iracema!
    Observação. Onde está escrito “cede” na terceira estrofe, deveria ser “sede” de sedento. Pela desatenção e pelo erro peço desculpas, aos leitores (as).

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- PUBLICIDADE -

Mais notícias...

Ainda o CRP: Lei com o cálculo autorial ficou para a próxima semana

Durante a reunião da ordem do dia da Câmara Municipal, realizada na tarde de ontem, a secretária municipal de...
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Mais artigos da mesma editoria

- Publicidade -spot_img