35.8 C
Rondonópolis
, 18 maio 2024
 
 

União fatura prêmio de R$ 100 mil por melhor média de público no estadual

Leia Mais

- PUBLICIDADE -spot_img
(Foto: Gil Gomes / FMF)

Após a conclusão do Campeonato Mato-grossense Martinello Sicredi 2024 no último final de semana, coroando o tetracampeonato do Cuiabá, o União Esporte Clube, vice-campeão estadual de 2024, garantiu mais um prêmio na competição.

Com mais de 2 mil torcedores em média durante todo o campeonato, a equipe colorada levou a premiação inédita de R$ 100 mil.

Realizada pela primeira vez na história da Federação Mato-grossense de Futebol, a iniciativa do presidente Aron Dresch visava condecorar a equipe que levasse, nas partidas como mandante, o maior número médio de torcedores durante toda competição.

Com sete jogos no estádio Luthero Lopes, o União levou mais de 20 mil pessoas e garantiu uma média de 2.569 pessoas por partida durante o Mato-grossense da 1ª divisão em 2024.

 

(Foto: Gil Gomes / FMF)

“Queremos parabenizar a torcida do União por ter comparecido em grande número nos jogos do Campeonato Mato-grossense Martinello Sicredi 2024, e pela conquista do prêmio de R$ 100 mil reais.

Esperemos que nos próximos campeonatos a torcida continue empurrando o clube em busca de seus objetivos, principalmente na busca pelo acesso no brasileiro Série D”, comentou o presidente da FMF, Aron Dresch.

Na segunda colocação da disputa da premiação ficou outra equipe do Interior, o Luverdense. Com mais de 18 mil pessoas nas arquibancadas do estádio Passo das Emas, o Verdão do Norte levou em média 2.058 torcedores pagantes.

Cuiabá, Mixto, Primavera, Academia, Nova Mutum, Operário, Dom Bosco e Araguaia, respectivamente concluíram o ranking de melhor média de público do estadual 2024.

FonteFMF
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- PUBLICIDADE -

Mais notícias...

Baixa do Guaíba revela destruição e prejuízo em Porto Alegre

Este sábado (18) começou sem chuva e com sol em Porto Alegre. A água das ruas já baixou em...
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Mais artigos da mesma editoria

- Publicidade -spot_img