24.3 C
Rondonópolis
, 22 maio 2024
 
 

Após enxurrada de reclamações: Saúde anuncia medida para amenizar caos no PA Infantil

Leia Mais

- PUBLICIDADE -spot_img
Superlotação e demora para atender as pessoas no Pronto Atendimento Infantil: sofrimento (Foto – Reprodução/TVCA)

Depois da enxurrada de reclamações de usuários sobre o caos no Pronto Atendimento Infantil, situação mostrada pelo A TRIBUNA na edição desta quarta-feira (10), a Secretaria Municipal de Saúde decidiu adotar medidas em busca de amenizar os problemas.

A pasta informou ontem (11), que a equipe da secretaria se reuniu com a direção da unidade para avaliar o grande fluxo de atendimentos que tem ocorrido no local.

Segundo a pasta, as equipes gestoras reforçaram que a grande maioria dos atendimentos (78%) poderia ser resolvida nos postos de saúde da cidade.

“A partir dessa verificação, a fim de dar maior resolutividade e apoio nos atendimentos, as unidades básicas de saúde poderão encaminhar as crianças que tiverem necessidade da realização de exames de imagem e laboratorial, sem prévio agendamento, até o Ceadas e Laboratório Central”, destacou.

Além disso, reiterou que as unidades básicas, que atendem de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 13h às 17h, devem ser o primeiro ponto a ser buscado pela população.

A secretaria ainda orientou que as pessoas podem procurar uma das quatro unidades que funcionam com 3º turno, com atendimento das 18h à meia-noite (Vila Rica, Itamaraty, Cidade de Deus e Vila Olinda).

A reação da Secretaria Municipal de Saúde vem após as várias reclamações de pais que estão buscando atendimento para os filhos no Pronto Atendimento Infantil nos últimos dias. As principais reclamações era de sala de espera lotada, longas filas e demora no atendimento.

 

 

———— CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

Ao A TRIBUNA, mães relataram que estavam tendo que aguardar várias horas para conseguir atendimento para os filhos, tempo que chegava até a seis horas.

Também disseram que a recepção da unidade infantil estava sempre lotada e, em muitas ocasiões, não havia cadeiras para acomodar a todos, sendo que pais acabavam passando horas com os filhos no colo enquanto esperavam atendimento médico.

 

- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- PUBLICIDADE -

Mais notícias...

Valorização: Avenida dos Estudantes se prepara para ser a ‘bola da vez’ no mercado imobiliário

Com diferentes eixos de crescimento, a cidade de Rondonópolis se prepara agora para vivenciar uma nova fase de valorização...
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Mais artigos da mesma editoria

- Publicidade -spot_img