23.6 C
Rondonópolis
 
 

Sucessão em Roo: Encontro hoje em Cuiabá pode definir candidato único do grupo

Leia Mais

- PUBLICIDADE -spot_img
O grupo, que hoje deve decidir por um único nome à corrida sucessória em Rondonópolis, realizou um primeiro encontro recentemente aqui na cidade (Foto – Arquivo)

Uma reunião programada para acontecer na manhã desta quinta-feira (28), em Cuiabá, deve definir quem será o candidato a prefeito do grupo formado pelo MDB, Republicanos, UB e PRD.

O grupo, que vem contando ainda nas conversações para formação de uma aliança, com as presenças do deputado Nininho (PSD) e do vereador Roni Magnani (PSB), pelo que o A TRIBUNA apurou, deve analisar hoje o resultado da pesquisa qualitativa e quantitativa contratada para apresentar o cenário eleitoral local e ajudar na definição da chapa que está sendo costurada para a disputa da sucessão do prefeito Zé Carlos do Pátio (PSB).

Este grupo conta com vários pré-candidatos a prefeito: deputado Thiago Silva (MDB), o ex-prefeito Adilton Sachetti (Republicanos), a empresária Marchiane Fritzen (UB) e o atual vice-prefeito de Rondonópolis, Aylon Arruda, que saiu do PSD e deve ingressar no Republicanos.

Numa entrevista recente concedida ao A TRIBUNA, o deputado Thiago Silva revelou que uma aliança entre o MDB, Republicanos, UB e PRD, que vem há vários meses conversando, já estava sacramentada e é era um “caminho sem volta”.

Declarou ainda que a definição do nome para ser o candidato a prefeito do grupo seria definido por meio de uma ampla pesquisa qualitativa e quantitativa.

Conforme uma fonte, a pesquisa foi feita para consumo interno do grupo, portanto não registrada e, por isso, não deverá ter os números divulgados pelo Instituto Vetor, responsável pela coleta dos dados.

Esta mesma fonte revelou ao A TRIBUNA que a pesquisa, fechada nos últimos dias, apresentará vários quadros, inclusive com análises de composições com candidatos a prefeito e a vice. “Além disso, um cenário com acompanhamento de apoios de candidatos”, repassou o informante.

Além de apontar o candidato do grupo, a reunião deve também definir o apoio do deputado Nininho (PSD).

 

 

———— CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

Embora o seu partido, presidido no Estado pelo ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, deva caminhar com a Federação Brasil da Esperança (PT, PV e PCdoB), ele [Nininho], descontente com o prefeito Zé Carlos do Pátio, vem mantendo conversas com o grupo formado pelo MDB, Republicanos, UB e PRD para uma composição política no pleito deste ano.

Como noticiou o A TRIBUNA, o parlamentar se encontrou, no fim de semana, com o pré-candidato a prefeito pelo PT, o empresário e assessor especial do Ministério da Agricultura, Carlos Ernesto Augustin, o Teti.

Na reunião com o petista, ele teria dito que esperava pelo resultado desta pesquisa, que será anunciada hoje em Cuiabá, em reunião fechada, para definir o seu posicionamento na corrida sucessória.

Além de Teti, este grupo chamado de “forças progressistas” tem ainda como pré-candidato a prefeito o diretor-geral do Sanear, Paulo José (PSB), nome defendido por Pátio à sua sucessão no comando do Palácio da Cidadania.

 

- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- PUBLICIDADE -

Mais notícias...

Eleições 2024: PT quer ser o “Pelé” de Pátio na corrida sucessória

No decorrer da semana, numa entrevista concedida ao programa “Bom dia Cidade”, da 104 FM, o prefeito de Rondonópolis,...
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Mais artigos da mesma editoria

- Publicidade -spot_img