20.9 C
Rondonópolis
, 14 junho 2024
 
 

Inquérito Civil: MPF vai investigar supostos atrasos de pagamentos à Santa Casa

Leia Mais

- PUBLICIDADE -spot_img
MPF vai apurar eventual descumprimento de prazo no repasse de verbas federais, por parte do Município, à Santa Casa de Misericórdia e Maternidade de Rondonópolis (Foto – Arquivo)

O Ministério Público Federal (MPF) vai apurar, em um inquérito civil público, o eventual descumprimento de prazo no repasse de verbas federais relativos a convênio firmado entre o Município de Rondonópolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde e Fundo Municipal de Saúde, e a Santa Casa de Misericórdia e Maternidade de Rondonópolis.

O inquérito civil foi instaurado por portaria assinada pela procuradora da República, Denise Nunes Rocha Muller Slhessarenko, com data de 8 de maio e publicado no Diário Oficial do MPF desta quinta-feira (16).

Entre as justificativas para a abertura do inquérito civil, a procuradora aponta a necessidade de maior aprofundamento das investigações, com vistas à correta adoção de providências judiciais ou extrajudiciais.

O inquérito civil vai investigar os repasses do Município para a Santa Casa referentes ao Termo de Convênio 15/2023, diante de alegações de atrasos nos pagamentos.

O inquérito sucede um procedimento preparatório instaurado pelo MPF no ano passado para apurar o alegado atraso no repasse de verbas federais do referido convênio ao filantrópico.

Segundo a portaria, após reunião realizada com representantes do Departamento Nacional de Auditoria do SUS (Denasus) durante as apurações do procedimento preparatório, ficaram pendentes esclarecimentos por parte Secretaria de Atenção Especializada à Saúde (SAES) do Ministério da Saúde, sobre aspectos relativos ao pagamento dos incentivos financeiros federais pelo Município de Rondonópolis após o recebimento dos recursos do Fundo Nacional de Saúde.

 

 

———— CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

Além disso, a procuradora relata, na portaria, que foi expedida a Recomendação n. 19/2023 à Prefeitura de Rondonópolis prevendo que os pagamentos referentes ao Termo de Convênio n. 15/2023, firmado com a Santa Casa de Misericórdia, sejam realizados mensalmente observando, para os incentivos financeiros, o prazo do 5º dia útil após o recebimento dos recursos do Fundo Nacional de Saúde e, para os valores relativos à produção ambulatorial e hospitalar de média e alta complexidade, o prazo de até trinta dias, contados a partir da data final do período de adimplemento de cada parcela.

 

- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- PUBLICIDADE -

Mais notícias...

Risco de acidente em rodovias federais sob gestão pública é maior

Em 2023, o risco de acidentes em rodovias federais sob gestão pública no Brasil foi 3,2 vezes maior do...
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Mais artigos da mesma editoria

- Publicidade -spot_img