Reportagem do A TRIBUNA “Absurdo! Moradores de mais de 1 mil casas acionam Justiça por problemas”, publicada na edição desta sexta-feira (3), que mostra que famílias contempladas com casas em residenciais do programa Minha Casa Minha Vida de Rondonópolis estão buscando a Justiça em função de danos e vícios construtivos nas residências, teve ampla repercussão nas redes sociais e no site do jornal na internet.

Até o momento, 1.074 moradores já entraram com processos na Justiça Federal cobrando indenizações pelos danos de construção das casas desde quando entregue aos contemplados.

Conforme reportado, a grande quantidade de ações levou o Ministério Público Federal (MPF) a abrir um inquérito civil para apurar o caso. As ações são de moradores dos residenciais Mathias Neves, Dom Osório, Dona Neuma e Altamirando, todos construídos pelo programa Minha Casa Minha Vida via Caixa Econômica Federal.

Em comentário, a leitora Andressa Maia destacou a péssima condição das construções das casas nesses residenciais e disse: “Isso porque vocês não viram de perto o que a gente passa com essas casas que muitos falam que a gente ganhou, mas não ganhamos nada, pois pagamos”.

A leitora lembra aqui que as famílias contempladas com casas nestes residenciais pagam parcelas mensais para a Caixa Econômica Federal. Já Cimar Reis ressaltou a demora da Caixa em resolver os problemas. “Agora vamos ver quanto tempo mais a Caixa vai enrolar para resolver tudo isso?”, questionou.

A Ediane Souza pontuou em seu comentário no Facebook sobre o prazo para a Caixa dar uma resposta aos atingidos: “vão enrolar mais um pouquinho a gente. O povo tá nem aí”. Depois externou que fica dignada com as casas que ficam fechadas, não moram ninguém e muitos precisando de uma moradia.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————————————————————————————————

 

 

A Isa Sales da Silva Santos confirmou que as casas que receberam estão um caos. Mas tem gente que criticou a postura dos reclamantes. “Tão chorando atoa, muitos queriam ter uma casa pelo Minha Casa Minha Vida”, disse Valdeir Pereira de Souza.

No Instagram do A TRIBUNA, a leitora @loumateus elogiou a iniciativa do jornal em mostrar a situação dos residenciais. “Ver essa reportagem é ver que nossos esforços podem e estão fazendo a diferença. Cada pessoa que se entrega a isso diariamente dá um pouco de si mesmo aos que precisam”, escreveu e destacou a importância também do trabalho dos advogados nas ações.

“Parabéns pela reportagem A TRIBUNA. Por abordarem a triste realidade dos moradores”, parabenizou @larihira_. O @edmilsontosta também comentou e lamentou: “Isso é só o começo. Vai aparecer muito mais”.

Ainda teve leitor que contou os problemas de construção que encontrou em sua casa. “A minha sala é desnivelada. Aquecedor solar estourou. Janelas e portas enferrujadas. Pisos manchados. Terreno desnivelado. Essas casas são pagas por todos nós, mesmo sendo baratas. Merecemos ter a moradia bem feita”, explicou @haniellacerda32.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui