TÚNEL DO TEMPO

O nosso personagem da semana é padre, de origem alemã, Lothar Bauchrowitz, que chegou em Rondonópolis no longínquo ano de 1964, trazido pelo então Bispo Dom Wunibaldo Talleur.

Aqui, se fixou na região da Vila Operária, onde além de atuar como líder religioso, também cumpriu um importante papel de liderança política, conscientizando e organizando a população de sua paróquia para lutar por melhorias para suas comunidades.

Com recursos que arrecadava na Alemanha, quando ia de férias visitar a família, ele construiu em parceria com a Cáritas Diocesana de Rondonópolis 3.352 moradias para os moradores mais carentes da região, numa época em que não havia políticas públicas habitacionais no país.

Foi ele também que construiu e manteve as primeiras creches da cidade, além de diversas outras iniciativas que contribuíram de forma decisiva para o crescimento e desenvolvimento da região.

Hoje com 83 anos de idade, ele diminuiu o ritmo de suas atividades, mas não se afastou da vivência com o povo que adotou como seu e continua sendo uma inspiração para todos.


 

ACERTADORES

E parece que o garotinho da foto foi reconhecido por todos os nossos palpiteiros e palpiteiras, que não pouparam elogios a esse que é um dos mais importantes personagens da História de Rondonópolis.

A nossa palpiteira Lucimara Santos não vacilou e foi certeira na resposta. “Como não falar deste ser humano, forte que luta por sua comunidade e sua cidade de Rondonópolis. Padre Lothar, este sim é nosso amigo. Padre merece todas as homenagens dos rondonopolitanos. Tenho orgulho de ter conhecido e trabalhado na Cáritas, onde ele se faz presente”, palpitou.

A Sílvia Maria Ferreira, do Jardim Paulista, nossa palpiteira engraçadinha, também mandou bem no palpite. “Olá, bom dia. Olha eu aqui de novo… anota aí, apesar da única informação sua a respeito da foto do menino bunitinho da Coluna de ontem… Eu captei a vossa mensagem. Kkkkkk. É o padre Lothar”.

O nosso embaixador em terras cariocas também resolveu nosso enigma. “O Matraca, é o nosso querido Padre Lothar. Abraços do Lelo Carioquinha. O Rio está frio, mas continua lindo”, palpitou.

A Marilei Castilho da Silva também palpitou na confiança. “Certeza que é nosso querido Padre Lothar, um grande homem guerreiro que fez e faz muito pela nossa cidade”.

O Lucas Perrone, nosso colega de labuta, também não viu dificuldades para desvendar nosso enigma. “Matraca, mamão com açúcar hoje. Pode anotar aí: Padre Lothar Bauchrowitz”, palpitou.

O Luís Cláudio Dias Martins também mandou no alvo. “É o Padre Lothar Bauchrowitz, nasceu no dia 01/07/1938, em Königsberg, na Alemanha. O Padre Lothar foi eleito no dia 01/10/1973 como Diretor da Cáritas Diocesana de Rondonópolis, juntamente com o presidente, Dom Osório Willibald Stoffel. Com o objetivo de ajudar as pessoas carentes a encontrarem uma profissão, desenvolveu cursos profissionalizantes: de parteira, enfermagem, pedreiro, marceneiro, eletricista, encanador, crochê, bordado, corte e costura, datilografia, pintura em tecido, horta comunitária, e hoje continua oferecendo cursos aos carentes como a cozinha alternativa, remédios alternativos, farinha láctea e outros”, palpitou, mostrando bastante conhecimento.

O nosso amigo “lambe-lambe” Roberto Barcelos também foi certeiro e aproveitou para mostrar que está sabendo fazer pesquisas. “O personagem do Túnel do Tempo é nascido na cidade de Konigsberg, Prússia-Alemanha. Veio para Roo em 1964. Realizou sua primeira missa em 15/08/1964 aqui na cidade. No finalzinho dos anos 70, houve uma grande enchente e muitas pessoas ficaram desabrigadas, foi aí que ele teve a ideia de construir casas, que eram ‘meia águas’, em sistema de mutirão para os necessitados pela Cáritas Diocesana, presidida por Dom Osório e dirigida por ele. No mesmo ano, ele iniciou também a construção de creches para atender as mães trabalhadoras da grande Vila Operária. Esse é o indelével Padre Lothar Bauchrowitz”.

Já o nosso palpiteiro Michel Pondian, do Residencial Nova Era, teve dúvidas, mas chutou no alvo. “Esse desafio é bem complicado, porém pelas dicas dadas, meu chute, é que esse menino na foto é o grande e benevolente Padre Lothar”. E ele acertou…

Também acertaram seus palpites a Bruna Andrade, do Nova Era, o Bismarcs Gefersom Santo de Moura, do Conjunto São José III, o Tião, do Salão Dallas, o Wender Dias, o Osório Assis, a Rosenilda Silva e o Hércules Rogério.


 

TROFÉU BOLA MURCHA

Demonstrando muita perícia na arte do palpite arte, aquele feito de memória e de bate-pronto, todos nossos palpiteiros e palpiteiras acertaram seus votos e mais uma vez o pouco desejado TROFÉU BOLA MURCHA ficou sem ganhador.


 

GANHADOR DA CANECA

Como sempre fazemos no momento de sortear a nossa cobiçada CANECA DO MATRACA, colocamos os papeizinhos com os nomes de todos os acertadores na Cumbuca do Matraca e o nome sorteado foi o agora indelével Roberto Barcelos, que é leitor assíduo do A TRIBUNA e ainda sempre que pode nos brinda com seus registros fotográficos.

Ele agora deve entrar em contato com a secretária do Matraca e confirmar se é assinante do A TRIBUNA para ter o direito de ter o seu nome gravado na sua caneca.

Lembrando sempre que é muito fácil e rápido assinar o periódico e receber o jornal mais lido e influente da região no conforto do seu lar ou escritório. É só falar com a secretária do Matraca e ela resolve tudo.


 

Ednaldo Aguiar ganhador da caneca da semana passada (Foto – A Tribuna)

GANHADOR DA SEMANA PASSADA

O feliz e sortudo da foto é o nosso amigo Ednaldo Aguiar, competente e renomado advogado da city, ganhador da CANECA DO MATRACA da semana passada, que exibe com orgulho o seu troféu, digo, prêmio, para o registro para posteridade.

Nossos parabéns ao nosso palpiteiro sortudo e, como é assinante do A TRIBUNA, sua caneca vai devidamente identificada com seu nome.


 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui