19.3 C
Rondonópolis
, 15 julho 2024
 
 

Outra polêmica na Saúde: Conselho denuncia más condições de trabalho e assédio moral a dentistas

Leia Mais

- PUBLICIDADE -spot_img
Neuzeli Fuza aparece em meio à mais uma polêmica na gestão Zé do Pátio (Foto – Arquivo)

O nome de Neuzeli Fuza voltou a aparecer em meio à uma nova polêmica na gestão municipal. Agora, estaria envolta em denúncias feitas ao Conselho Regional de Odontologia (CRO) de supostos casos de assédio moral envolvendo dentistas da Secretaria Municipal de Saúde, onde exerce o cargo de superintendente de Saúde Bucal.

Neuzeli assumiu a superintendência logo após deixar a Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (Setrat), em outubro do ano passado, depois que entrou em rota de colisão com a Câmara Municipal.

“Na semana passada, estivemos reunidos com vários colegas cirurgiões dentistas da rede pública do município. Fizemos uma acareação de inúmeras denúncias recebidas pelos canais do Conselho de péssimas condições de trabalho e, inclusive, de situações de assédio moral contra servidores por parte de integrantes da gestão”, disse, sem citar nomes, a presidente do CRO, Wania Dantas, ao programa matinal “Conexão 105”, apresentado por Orestes Miraglia na 105 FM.

“Estamos buscando (Prefeitura) justamente porque essa situação de atendimento à comunidade não pode continuar como está. Estamos vivendo uma condição de trabalho na rede pública complicada no setor odontológico”, assinalou ela, acrescentando que tentou se reunir com o prefeito Zé Carlos do Pátio (PSB) e a com secretária Municipal de Saúde, Ione Rodrigues, para tratar do assunto, mas não conseguiu agenda.

A polêmica iniciou, na semana passada, no mesmo programa radiofônico, onde foram ao ar reclamações de pais de crianças que não estavam conseguindo atendimento para os seus filhos com a cirurgião dentista Paula Nunes das Neves, especialista em odontopediatria, no Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) da Vila Mamed.

Paula, que realizava os atendimentos de alta complexidade no CEO da Vila Mamed, justificou que ela teria sido demitida por Neuzeli no último dia 11, após retornar de uma licença médica de 14 dias por conta de uma fratura.

“Ela foi conversar comigo e disse que eu estava desligada da rede. O motivo ela disse que seria redução de custos do município e que talvez, para outubro, teria novamente o retorno”, declarou a dentista ao “Conexão 105”.

 

 

———— CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

No entanto, ela acredita que o real motivo para a sua exoneração seria pelo fato de ter questões divergentes de Neuzeli. “Não vejo motivo diferente à retaliação, visto que o meu desempenho técnico, o atendimento das crianças estavam sendo feito dentro dos preceitos de humanização”, ponderou Paula.

Reiterou ainda que muitos colegas evitam expor suas opiniões divergentes de Neuzeli por temerem represálias. “Houve situações de assédio moral que não se restringem apenas a mim, mas também a outros colegas da odontologia que sentem ameaçados e com receio de expor opiniões que sejam diferentes da dela (Neuzeli)”.

OUTRO LADO

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Saúde informou que ainda não tinha recebido nenhuma denúncia sobre este caso e que ficou sabendo por meio do programa radiofônico.

Disse ainda que a referida profissional (Paula) nunca esteve na Secretaria expondo o fato mencionado. Dessa forma, a Saúde vai utilizar as medidas cabíveis para averiguação.

Além disso, a secretária municipal de Saúde, Ione Rodrigues, informou que também já está tomando as medidas para manter os atendimentos dos pacientes que necessitam de sedação ou qualquer outro meio de conduta para realização dos procedimentos.

Sobre o contato do CRO, Ione disse que, no dia que foi sugerida a reunião, quando os representantes estariam na cidade, vindo de Primavera do Leste, estava com audiência marcada com o Ministério Público Federal (MPF) em Cuiabá. “Dessa forma, a secretária já está conciliando uma nova data de agenda junto ao Conselho”.

 

- PUBLICIDADE -spot_img

1 COMENTÁRIO

  1. ANTÓNIO PORTUGUÊS EM RONDONOPOLIS EM RAIO X FAZ REPAROS NA SAÚDE VERIFICA IRREGULARIDADES E DENUNCIA. VEREFICOU QUE CERTIFICACAO DE EXCELENCIA NA SAUDE NAO SE FAZ COM CAMPANHAS POLITICAS MAS SIM COM O DIREITO A SAUDE PARA TODOS.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- PUBLICIDADE -

Mais notícias...

Fogo destrói Shopping Popular de Cuiabá na madrugada; veja vídeos

Gazeta Digital / Cuiabá-MT - Shopping Popular de Cuiabá foi destruído pelo fogo na madrugada desta segunda-feira (15). As...
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Mais artigos da mesma editoria

- Publicidade -spot_img