31.8 C
Rondonópolis
, 15 julho 2024
 
 

Fim de junho: Lula deve vir a Rondonópolis lançar Plano Safra

Leia Mais

- PUBLICIDADE -spot_img
A vinda de Lula a Rondonópolis está sendo articulada por Teti para o próximo dia 26 (Foto – Arquivo)

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deve vir a Rondonópolis, no próximo dia 26 de junho, para o lançamento do Plano Safra 2024/2025. A informação foi confirmada ontem pelo presidente do diretório municipal do PT, Wendell Girroto.

“Vem si”, sustentou o petista à reportagem do A TRIBUNA. No entanto, Girotto evitou dar mais detalhes sobre como se daria esta visita e se ficaria restrita apenas ao ato de governo ou se teria também alguma outra atividade política na cidade.

A segunda visita de Lula a Rondonópolis, no seu terceiro mandato como presidente da República, conforme apuração da reportagem, estaria sendo articulada pelo assessor especial do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA), o empresário Carlos Ernesto Augustin, o Teti, que tem o seu nome colocado como pré-candidato a prefeito de Rondonópolis.

O MAPA é conduzido, atualmente, pelo senador mato-grossense licenciado Carlos Fávaro (PSD). O Plano Safra, que deverá ser lançado pelo presidente Lula, ainda está sendo finalizado.

No entanto, a informação já ventilada pela imprensa é de que deverá ser o maior da história, com a destinação de R$ 540 bilhões para custeio e investimentos aos grandes, médios e pequenos agricultores brasileiros.

Este montante, se confirmado, é 25% superior ao que foi disponibilizado no plano do ano passado, que ficou em R$ 435 bilhões, sendo R$ 272,1 bilhões para custeio e comercialização, além de R$ 92,1 bilhões para investimento e outros R$ 71 bilhões à agricultura familiar.

 

 

———— CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

Além do valor mais alto, a promessa é de que o plano para a próxima safra deverá ter taxas de juros menores que as praticadas agora, atendendo assim os pedidos do setor.

A vinda de Lula a Rondonópolis, caso se confirme, ocorrerá em meio ao período conturbado pelo qual passa o Ministério da Agricultura, com a saída do secretário de Políticas Agrícolas da pasta, o ex-deputado por Mato Grosso, Neri Geller (PP), em meio ao escândalo do leilão de arroz importado, que foi anulado por conta da repercussão das denúncias de supostas irregularidades.

 

- PUBLICIDADE -spot_img

3 COMENTÁRIOS

    • Vai estudar sobre o plano safra ignorante, nem seu presidente o Bozonaro teve coragem de vim pra Rondonópolis, no máximo vai pra Cuiabá ficar andando de motinha quem gosta de ficar empinando e andando de moto é a gangue do vrau que mais representa o vagabundo do Bolsonaro do que o atual presidente que vai lançar o plano safra mais o programa pra corte na receita agrícola, vai procurar entender o que é fazer política e não ex-presidente que ficava andando de moto e não fazendo nada pelo Brasil

  1. Antonio Portugues em Rondonopolis comenta que o agro tem que mudar politicas como e a economia circular.A
    inovacao da gestao das aguas onde a enficiencia hidrica no combate as calamidades do cerrado por aumento de temperaturas extremas. Antonio faz desafios que os solos e seus processos de producao tem que ser respeitando os aquiferos e sua poluicao pfas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- PUBLICIDADE -

Mais notícias...

Governo se solidariza com trabalhadores do Shopping Popular de Cuiabá; bombeiros controlam incêndio

O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso controlou o incêndio no Shopping Popular, em Cuiabá, nesta segunda-feira (15). Equipes...
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Mais artigos da mesma editoria

- Publicidade -spot_img