17.9 C
Rondonópolis
, 16 julho 2024
 
 

Eleições 2024: Bispos das dioceses de Mato Grosso divulgam manifesto

Leia Mais

- PUBLICIDADE -spot_img
Dom Maurício da Silva Jardim, bispo da diocese de Rondonópolis-Guiratinga, é um dos signatários da manifestação (Foto – Arquivo)

Os bispos de Mato Grosso, incluindo o bispo da diocese de Rondonópolis-Guiratinga, dom Maurício da Silva Jardim, assinaram uma mensagem em conjunto, direcionada a padres e diáconos, bem como aos cristãos em geral, sobre as eleições municipais que acontecem em 6 de outubro.

No texto, eles destacam a necessidade de identificar e escolher bem os candidatos e as candidatas, fazem alerta quanto às fake news e pedem união, repudiando a violência ou divisão.

Na mensagem, os bispos dizem que essas eleições têm uma importância particular pela proximidade dos candidatos e candidatas com os eleitores, bem como com suas preocupações mais concretas, por exemplo, a educação de qualidade para as crianças e adolescentes, o sistema público de saúde eficiente e para todos, a segurança, a moradia digna e acessível à população de baixa renda, o cuidado com o meio ambiente, a atenção especial aos povos indígenas, aos ribeirinhos e à população em situação de rua, entre outras.

“Dos prefeitos municipais espera-se uma conduta ética nas ações públicas, nos contratos assinados, nas relações com os demais agentes políticos e com os poderes econômicos. Dos vereadores requer-se uma ação correta de fiscalização e legislação que não passe pela simples identificação com a bancada de sustentação ou de oposição ao Executivo”, escrevem.

Os bispos lembram na mensagem que a Igreja Católica no Brasil tem longa tradição na valorização da Ficha Limpa e na denúncia da imoral e antiética compra de votos que, além de crime, passou a cassar os mandatos dos culpados. “Votar por troca de favores ou simplesmente por amizade pode comprometer seriamente nosso futuro”, afirmam.

No texto, eles ressaltam a importância de examinar em fontes seguras se as propostas apresentadas correspondem à realidade. E, fazem um alerta com relação às fake news.

 

 

———— CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

“Infelizmente as mentiras, hoje potencializadas pela internet, têm a capacidade de mudar a vontade do voto popular. A melhor maneira de descobrir a verdade é conversar sobretudo com os amigos e ouvir os candidatos e candidatas”.

Por fim, os bispos destacam que os eleitores devem repudiar quaisquer atitudes de violência e divisão e acrescentam que numa sociedade plural e democrática, é legítimo que todos tenham a possibilidade de chegar às suas próprias conclusões, que nem sempre serão e nem precisam ser, iguais às dos outros.

A mensagem foi assinada ainda pelo arcebispo de Cuiabá, Mário Antônio da Silva, e demais bispos das dioceses de Mato Grosso.

 

- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- PUBLICIDADE -

Mais notícias...

Inflação: Junho registra desaceleração para todas as faixas de renda, diz Ipea

Levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), divulgado ontem (15), mostra que a inflação de junho ficou abaixo...
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Mais artigos da mesma editoria

- Publicidade -spot_img