No parque de exposições de Rondonópolis, os preparativos para a 48ª Exposul também estão adiantados (Foto – Gabriela Moreno)

Um dos eventos mais tradicionais de Rondonópolis acontece neste sábado (6). A 34ª Cavalgada terá início às 8h e vai percorrer várias ruas e avenidas da cidade. A organização tem a expectativa de que pelo menos 300 pessoas participem do evento que volta este ano depois de um hiato em 2020 e 2021 em função da pandemia.

A Cavalgada marca a abertura do maior evento agropecuário do estado: a Exposul, que acontece entre os dias 8 e 13.

A concentração para a Cavalgada deve ter início por volta das 5h30 e 6h na Rua Fernando Correia da Costa, no bairro Novo Horizonte. Neste horário, a organização destaca que os fiscais já estarão no local para vistoriar os animais que irão participar.

(Foto – Gabriela Moreno)

A largada acontece mesmo às 8h. A Cavalgada segue então até o centro da cidade, na Praça Brasil, passando depois pela Praça dos Carreiros, pela Igreja Nossa Senhora Aparecida para uma benção, seguindo depois para a Avenida Lions Internacional e para a Avenida Júlio Campos até a rotatória do Anel Viário. Ao todo, serão 9 quilômetros de percurso.

Neste ano, a Cavalgada terá algumas regras. O médico veterinário responsável, Neurivaldo Junior, explica que para quem for participar é preciso estar atento para algumas regras importantes. Para a participação, os proprietários devem apresentar a Guia para Transporte Animal (GTA), obrigatória para bovinos e equídeos.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

No caso de equídeos, equinos e muares, é ainda obrigatória a apresentação de exames negativos de anemia infecciosa equina e mormo, bem como a carteira de vacinação que comprove a imunização contra a Influenza.

Durante a Cavalgada, também está proibido o consumo de bebidas alcoólicas, a utilização de rojões, foguetes e fogos, e o uso de qualquer instrumento que machuque os animais como esporas, tacas, entre outros.

“Orientamos ainda que os participantes não venham com animais muito jovens e que não aguentem o percurso. A intenção é evitar incidente e que os animais sejam maltratados”, disse o veterinário.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui