“Sim, a proposta é definir um partido justamente para eu sair candidata”, contou a empresária Marchiane Fritzen – Foto – Divulgação

A empresária Marchiane Fritzen, que disputou a eleição de 2020 como candidata a vice-prefeita na chapa encabeçada por Luiz Fernando Carvalho, o Luizão (Republicanos), confirmou o convite para se filiar ao MDB, conforme anunciado pelo deputado estadual Thiago Silva, mas diz que ainda não definiu se de fato se filiará a sigla. Ela conta que também recebeu convites de outras siglas e que seu grupo político deve se reunir nos próximos dias para decidir a questão.

Atualmente filiada ao PSL, que passa por um processo de fusão com o DEM e deve se tornar o novo União Brasil (UB), a empresária diz que deve definir sua vida partidária nos próximos dias. “Eu não defini isso ainda. Recebi proposta do Republicanos, do próprio União Brasil, do PROS, do MDB e do Solidariedade. Recebi inúmeras propostas, mas somente na semana que vem definirei para onde vou”, informou.

Marchiane Fritzen conta que reunirá seu grupo no próximo final de semana para conversar a respeito e bater o martelo a respeito de sua filiação partidária. “Hoje, eu não tenho definição nenhuma a respeito. Mas assim que nos reunirmos, que está agendado para o próximo domingo, e aí vou definir para onde vou, se fico no União Brasil ou se mudo para outro partido”, completou.

Com relação à sua possível candidatura à deputada federal, ela confirma que esse é seu projeto e que assim que definir sua filiação, deve iniciar as articulações visando a eleição do próximo dia 2 de outubro. “Sim, a proposta é definir um partido justamente para eu sair candidata. As propostas que foram feitas não foram para que eu simplesmente vá lá para fazer parte do grupo. As propostas que saíram dos partidos foram para eu sair candidata”, concluiu.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui