(Foto – Reuters/Loren Elliott/Direitos reservados)

O astro do tênis Novak Djokovic deveria dar o exemplo e se vacinar contra a covid-19, afirmou a porta-voz do governo espanhol, Isabel Rodríguez, nesta terça-feira (18), ao ser perguntada se ele teria autorização para competir na Espanha, onde a vacinação não é obrigatória.

O número um do mundo foi deportado da Austrália no domingo (16) antes do início do Aberto da Austrália, após entrar no país com uma dispensa médica como justificativa para não tomar o imunizante.

“O que o sr. Djokovic precisa fazer é se vacinar, essa seria a coisa mais sensível a se fazer”, disse Rodríguez em entrevista coletiva. “Liderar pelo exemplo é importante e isso é de fato o que os grandes homens e mulheres do esporte do nosso país fazem. Por exemplo, o sr. [Rafael] Nadal”, acrescentou a porta-voz, em referência a um dos maiores rivais de Djokovic, com quem está empatado em número de títulos de Grand Slam.

Embora a vacinação não seja obrigatória na Espanha, a taxa de vacinação é uma das maiores na Europa.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui