Os bandidos só não levaram o gado da propriedade por conta da recusa dos caminhoneiros de transportar os animais – Foto Divulgação PM

Uma família foi mantida amarrada dentro da própria residência durante a maior parte do dia de ontem (12) depois que cinco bandidos invadiram a propriedade rural onde moravam e anunciaram um roubo. Ele fugiram do local levando um carro e ainda tentaram levar o gado da propriedade, mas o crime acabou frustrado por conta da recusa dos caminhoneiros contratados para transportar o gado roubado terem desconfiado da situação e se negado a fazer o serviço.

De acordo com informações da Polícia Militar, o crime aconteceu em uma propriedade rural próxima da MT-130, rodovia estadual que liga as cidades de Rondonópolis e Poxoréu.

Inicialmente, os policiais da Patrulha Rural haviam recebido uma denúncia de roubo de um Fiat Mobi de cor branca em uma propriedade rural. Enquanto esses policiais se encaminhavam para o local do crime, receberam a informação do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) de que no mesmo local haviam indivíduos tentando embarcar gado sem autorização do proprietário.

A PM tinha obtido essa informação após uma equipe da Força Tática montar barreiras na entrada de Rondonópolis, na tentativa de localizar o veículo roubado, quando acabaram abordando quatro caminhões boiadeiros que chegavam na cidade vazios.

Aos policiais, um dos caminhoneiros contou que foi contactado por telefone por um homem que lhe ofereceu a empreitada de transportar aproximadamente 400 cabeças de gado, que deveria ser embarcado justamente na fazenda onde o veículo Mobi foi roubado e levadas para o município de Chapada dos Guimarães.

Para sorte do fazendeiro e sua família, o caminhoneiro conhecia o mesmo e desconfiou da atitude dos homens que queriam embarcar o gado, e entrou em contato telefônico com este, que negou que quisesse transportar o gado, acabando por se recusar a embarcar o gado nos caminhões e retornou com os demais caminhoneiros que fariam o transporte para Rondonópolis, quando acabaram abordados pela Força Tática. Ele ainda informou que os homens no veículo Mobi fugiram em direção à Poxoréu.

Já no local do roubo, os policiais da Patrulha Rural foram informados pelas vítimas que cinco homens armados haviam invadido a propriedade por volta de 9 horas da manhã e renderam a família, que foram amarradas dentro da própria casa e só conseguiram se soltar já no final da tarde.

Um trabalho da Agência Regional de Inteligência (Ari) verificou que o número usado para contatar os caminhoneiros pertencia a um homem que já possui diversas passagens pela polícia.

Até o momento, o veículo levado ainda não foi recuperado e nem os bandidos identificados e presos, mas a polícia está mobilizada para desarticular essa quadrilha.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui