1 – SENHORAS E SENHORES,
pode parecer notícia velha, ou repetida, mas o presidente Jair Bolsonaro vai se filiar ao Partido Liberal (PL), do ex-deputado Valdemar Costa Neto. A Coluna não tem como garantir isso, mas o próprio mandatário do país confirmou a informação. Depois de ter sua filiação anunciada para o último dia 22 e posteriormente adiada, parece que agora está tudo certo e Bolsonaro deve assinar sua ficha de filiação no próximo dia 30, em Brasília. O motivo do adiamento da filiação seria a posição do PL em São Paulo, que queria apoiar uma candidatura do PSDB para o Governo do Estado, enquanto Bolsonaro queria que a sigla apoie uma candidatura do atual ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas – que também seria cobiçado para ser candidato a governador em Mato Grosso. O assunto já foi pacificado e isso permitiu a finalização das negociações.

Odílio Balbinotti: “Sua candidatura a governador já conta com o aval do presidente Bolsonaro…”

DE UMA CERTA
forma, Bolsonaro parece ter recebido uma espécie de carta branca da direção do PL para negociar candidaturas e apoios nos estados, mas parece que o presidente se acostumou a ser um outsider, dando início à negociações sem incluir seu novo partido, como aconteceu essa semana quando deu seu aval para o lançamento da candidatura do empresário rondonopolitano, do agronegócio, Odílio Balbinotti ao governo de Mato Grosso.

Bolsonarista raiz, Balbinotti pode ser mesmo uma boa alternativa para uma parte do eleitorado mais conservador do Estado, principalmente daqueles mais apaixonados e alinhados ao presidente, formando um bom palanque para impulsionar candidaturas proporcionais e ajudar uma boa leva de parlamentares de direita. Nesse contexto, poderia perfeitamente polarizar o debate com o atual governador Mauro Mendes (DEM), que até o momento não tem um opositor à altura.

Um problema aí, na visão do Colunista, seria conciliar essa candidatura com as articulações do senador Wellington Fagundes, líder maior da legenda liberal no Estado, que cogita sair a governador, cargo pleiteado por Balbinotti, ou a senador, cargo desejado pelo deputado federal José Medeiros (Pode), que é um dos principais apoiadores do empresário. Caso consiga conciliar esses interesses, cujas conversas já devem ter sido encaminhadas com o senador, além de modular um discurso que atraia os eleitores, pode ser mesmo uma chapa de respeito e conseguir êxito nas urnas.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

2 – OUTRO QUE TAMBÉM QUER SER SENADOR
é o prefeito José Carlos do Pátio (SD), que fala inclusive em mudar de partido para poder dar forma ao seu projeto. A sua articulação passa por viabilizar uma chapa com perfil mais à esquerda, que ainda não tem sequer um rascunho no Estado. O gestor municipal tem conversado com deputados do Partido dos Trabalhadores (PT), e inclusive se reunirá nessa segunda-feira com o petista Lúdio Cabral, justamente para tratar das composições políticas para as eleições de 2022. A expectativa é que essas articulações avancem e o grupo lance em breve nomes para o Governo e Senado, além de montar uma chapa forte nas proporcionais, para formar um palanque de peso para o ex-presidente Lula em Mato Grosso.

Aylon Arruda: “Se o prefeito Zé do Pátio permanecer no cargo, ele será candidato a deputado federal…”

3 – JÁ O VICE-PREFEITO
Aylon Arruda (PSD) tem o nome cogitado para disputar uma vaga de deputado federal, algo que já é bem mais que um rumor, com ele já fazendo discurso de candidato, ou melhor, negando ser uma pretensão pessoal e afirmando que só sairia à disputa se for uma decisão de seu partido. Discurso manjado de quem já articula há tempos a candidatura. E convenhamos, o jovem político é uma revelação, com uma postura centrada e sem se envolver em polêmicas vazias, ajudando o prefeito em suas articulações por recursos ou se mantendo calado, como cabe ao bom vice.

Caso saia realmente candidato, será um bom nome e pode ter uma boa votação, principalmente por contar com apoios de peso como o do deputado estadual Ondanir Bortolini, o Nininho, que o indicou para o cargo de vice de Pátio. Outro fator que pesa a favor de Aylon Arruda, além de seu carisma pessoal, é o fato de ser uma liderança empresarial rural, que conduziu por anos com maestria o Sindicato Rural, realizando algumas das mais exitosas edições da Exposul dos últimos tempos.

Juntos, esses fatores gabaritam o vice a concorrer ao cargo de federal com chances de vitória, mas, para isso teria que se entender com Pátio, pois caso o titular saia candidato, é natural que seu vice assuma a prefeitura, o que por tabela frustraria suas pretensões de disputar uma cadeira na Câmara Federal. De qualquer forma, estaria em evidência, pois administrar bem a cidade ainda que por dois anos, dando agilidade e principalmente fim aos processos e obras públicas, pode perfeitamente sair à reeleição e se manter à frente da prefeitura da cidade mais importante do interior do Estado por mais 4 anos.

Mas esse também é outro assunto que voltaremos a falar aqui na Coluna. E por hoje é só, amiga e amigo leitor. Nos vemos daqui a uma semana.

2 COMENTÁRIOS

  1. Rapaz… …cê tá de brincadeira?
    Bora lá comentar a coluna:
    Bolsonaro corre sozinho e quem grudar nele vence junto! É só sair na rua pra ver! Quem não quer Bolsonaro pra Presidente em 2022 é essa tropa de lacradores invertidos, defensores da ideologia de gênero, os mamadores da teta do dinheiro público da Lei Rouanet, o pessoal da imprensa vendida, o pessoal dos sindicatos (que nunca trabalharam na vida) e claro, os artistas abestados. Quanto à candidatura do Balbinotti, é só se lançar, tá eleito! O povo tá cansado de ver esse bando de sanguessugas ano após ano, mamando no erário público sem fazer porcaria nenhuma! Com relação ao Wellington Fagundes, esse vai nadar de braçadas, infelizmente! O povo tá mais de saco cheio desse “trintinha” até mais do que dos outros, mas grudado no Bolsonaro, vai se eleger!!! O Zé do Pátio Esburacado, o famoso Zé Ruela do Pátio, não se elege não! O povo do MT fora de Rondonópolis é bem mais inteligente! Só aqui mesmo pra uma anta dessas se eleger!
    O vice-prefeito, como todos os vices é um palito queimado, um vice, um Mourão, um bosta! Ele foi o que? “…liderança empresarial rural, que conduziu por anos com maestria o Sindicato Rural,…”! É pra rir né?! Cê nunca entrou no Sindicato Rural pra ver o que o povo pensa dele né?! Mais um Zé Ruela. Só isso!

    Resumindo, na minha modesta opinião de quem ouve o que é conversado nas padarias da cidade: Bolsonaro tá eleito, Balbinotti se for candidato ganha, Zé do Pátio é tão bom prefeito quando dançarino, Wellington “trintinha” Fagundes é capaz que ganha se continuar grudado no saco do Bolsonaro, Aylon pode voltar a fazer o que fazia antes de ser o vice troço do sub-treco, ou seja, absolutamente nada, o Nininho vai ganhar novamente mesmo sendo um péssimo parlamentar e estar bem mais preocupado em manter o rio de dinheiro da Morro da Mesa! Ah! Claro! Não dá pra deixar de dizer que o que se houve nas padarias também é: Fora Lula, PT nunca mais e também “as pesquisas de 2018 apontavam Haddad Poste vitorioso em qualquer cenário”!!!!

    • O Brasil real tem gente passando fome meu senhor, a inflação está disparando a cada mês. Balbinotti já foi um empresário de referência, hoje em dia, em qualquer evento de agro-negócio que você conversa com agricultores, no mínimo eles começam a rir quando não fazem piadas infames a respeito do empresário. O Bolsonaro está se filiando ao partido que mais tem investigação no MPF/PGR por corrupção, e o presidente do partido foi condenado no mensalão. O Bolsonaro é investigado por rachadinha, seus filhos são investigados também. Quem tem família na política é o Bolsonaro, quem mama a mais de 30 anos dinheiro público é o Bolsonaro. Lula pelo menos já teve carteira assinada, pois foi metalúrgico por um bom tempo de sua vida, até perdeu um dedo trabalhando. O Bolsonaro nunca teve carteira assinada, sempre sobreviveu com dinheiro público, e nunca entregou resultados positivo, nunca trabalhou na verdade.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui