Semeadura de soja na safra 2021/22 em Mato Grosso está próxima à reta final (Foto – Arquivo)

A semeadura de soja na safra 2021/22 em Mato Grosso está próxima à reta final. Conforme o novo boletim do Instituto Mato-grossense de Economia Agrícola (Imea), a semeadura da nova safra já está finalizada em grande parte do Estado, exceto nas regiões nordeste (99,00%) e sudeste (99,99%), que seguem nas últimas áreas.

Os trabalhos a campo vêm apresentando bons resultados, com os talhões se estabelecendo de forma favorável, segundo os informantes do Imea, devido às boas precipitações que ocorreram dentro da janela prevista para a semeadura.

De acordo com a Embrapa, é considerado que a média para suprir a necessidade de água no ciclo inteiro da cultura da soja seja de 450 a 800 mm (a depender da variedade). Com isso, a estimativa de uma produção recorde é plausível para o Estado, tendo em vista o quadro positivo de chuvas e temperaturas nas principais regiões produtoras.

Para o próximo mês, o acumulado de chuvas está entre 200 e 300 mm (TempoCampo) previstos na maior parte das regiões, o que pode favorecer ainda mais o desenvolvimento da oleaginosa.

A última estimativa do Imea prevê uma área com soja nesta temporada de 10,84 milhões de hectares, isto é, aumento de 3,59% em relação ao observado na safra 20/21. No que se refere à produtividade, a estimativa se mantém em 57,52 saca/ha, diante dos bons volumes de chuvas que já se concretizaram até o momento.

Em relação ao mercado, após semanas seguindo em queda, a novidade é que a soja disponível no Estado, conforme o Imea, valorizou ante a semana passada, cotada agora na média a R$ 148,38/saca.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui