Atlético-MG goleou o Fortaleza por 4 a 0, na noite desta quarta-feira, no Mineirão (Foto – Fernando Moreno/Agif)

Nesta quarta-feira (20), começaram os duelos de semifinal da Copa do Brasil. No Mineirão, Atlético-MG goleou o Fortaleza por 4 a 0 e ficou bem perto da final. As duas equipes voltam a se enfrentar no dia 27 de outubro, em Fortaleza (CE). No outro jogo, na Arena da Baixada, o Athletico Paranaense empatou com o Flamengo em 2 a 2.

Com o resultado, o vencedor do segundo e derradeiro confronto avança para a decisão. Em caso de um novo empate, o finalista será decidido nas penalidades. As equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (27), no Maracanã.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————————————————————————————————

 

 

No Mineirão, o Galo iniciou o jogo no ataque e abriu o placar aos 18 minutos. Guilherme Arana, da entrada da área, chutou colocado e acertou o ângulo do goleiro. Aos 26 minutos, o Alvinegro ampliou. Réver aproveitou cobrança de escanteio de Keno e desviou na primeira trave. Antes do intervalo, o Galo fez mais um. Hulk recebeu levantamento de Zaracho e cabeceou com categoria para o fundo das redes.

O dono da casa começou o segundo tempo pressionando o Fortaleza. No primeiro minuto, Zaracho aproveitou rebote do goleiro e colocou no fundo das redes de cobertura, fechando a goleada.

Athletico-PR e Flamengo protagonizaram um duelo bastante movimentado na noite desta quarta-feira (20) (Foto – Robson Mafra/Agif)

Na Arena da Baixada, mandante da partida, o Athletico ensaiou uma pressão no início do confronto, mas foi o time carioca que abriu vantagem. Aos 14 minutos, na primeira boa chance do Fla, após cobrança de falta, Gabi soltou o pé e a bola encontrou Thiago Maia livre na pequena área para fazer 1 a 0.
Mantendo o ritmo no começo do segundo tempo, os donos da casa deixaram tudo igual, logo aos dois minutos, com Pedro Henrique, que aproveitou cruzamento na área e testou firme para o fundo das redes.

Aos 25, o Furacão voltou ao ataque e em mais uma jogada pelo alto virou o jogo com Renato Kayzer. Querendo o empate, o Fla foi para o tudo ou nada e, aos 54 minutos, Pedro de pênalti deu números finais ao duelo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui