Imagem mostra notícia do A TRIBUNA sobre o lançamento da estrada alternativa à BR-364 no ano de 2009 (Foto – A TRIBUNA)

Lançada há mais de 10 anos na nossa região, a ideia de viabilização da rodovia Rondonópolis/Chapada dos Guimarães como alternativa à BR-364 acabou caindo no esquecimento e não avançou. Agora o projeto começa a ganhar corpo novamente e, havendo a sensibilização política do Governo do Estado, tem tudo para consolidar a integração de Rondonópolis – cidade pólo da região – com municípios como Dom Aquino, Campo Verde e Chapada dos Guimarães.

Na verdade, a rodovia estadual que pretende promover uma nova ligação entre Rondonópolis e Cuiabá, passando pelas cidades de Dom Aquino, Campo Verde e Chapada dos Guimarães, foi uma campanha criada ainda em 2009 pelo A TRIBUNA, mas houve a decisão de lideranças locais de fazer uma espécie de recuo estratégico para priorizar a viabilização de outra rodovia alternativa, no caso a MT-040, que também pretende ligar Rondonópolis à Capital, mas passando pelo Pantanal, cujo projeto estava mais adiantado – hoje em fase de conclusão da pavimentação do trecho restante.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

Na época do lançamento da campanha, vale ressaltar, o contexto logístico da região era outro. A duplicação da BR-364 entre Rondonópolis e Cuiabá ainda estava no papel, sendo urgente uma estrada alternativa para acabar com o caos que imperava no tráfego da rodovia federal. Além disso, o projeto de duplicação da 364 insistia em não avançar, faltando na época muitas etapas burocráticas, técnicas e políticas a serem vencidas. Diante das incontáveis mortes, da lentidão no trajeto e de muita dor de cabeça ao longo da BR-364, a campanha pela estrada Rondonópolis/Chapada foi lançada em 3 de julho de 2009.

Atualmente, a luta da sociedade rondonopolitana, através de uma campanha também abraçada pelo A TRIBUNA, em conjunto com o Comitê Pró-Rodovias, contempla a concretização da duplicação da BR-364 entre Rondonópolis e Cuiabá, verificando-se a redução do número de mortes, do tempo de realização do percurso e aumento do conforto dos motoristas, que viviam parados em filas de congestionamentos. A estrada MT-040 também está perto de ser concretizada, restando a pavimentação de poucos trechos, sendo a primeira via alternativa entre a capital e a maior cidade do interior do Estado, passando pelo Pantanal.

Nesta realidade, a viabilização da estrada entre Rondonópolis e Cuiabá, passando por Dom Aquino e Chapada dos Guimarães, ganha sentido agora como uma segunda rota alternativa à BR-364. Contudo, principalmente, como importante fomentadora da integração regional, possibilitando uma nova ligação direta e asfaltada entre Rondonópolis e Dom Aquino. Veja matéria sobre inciativa do deputado estadual Thiago Silva para tentar resgatar a consolidação da MT-460, viabilizando uma nova rota entre Rondonópolis e Cuiabá.

Aqui destaca-se que Dom Aquino e Campo Verde estão grandemente ligadas comercialmente a Rondonópolis, sendo que a viabilização da nova estrada facilitaria os deslocamentos diários dos moradores e o escoamento da produção regional.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui