Realmente chama a atenção as muitas deficiências enfrentadas nos últimos anos no estacionamento rotativo pago do quadrilátero central de Rondonópolis, também chamado de Rotativo Rondon. São tantas queixas e problemas que fica até difícil citá-las, passando pela desativação dos parquímetros e indo até ao número insuficiente de monitores.

Com uma frota de mais de 190 mil veículos, Rondonópolis evidencia que necessita de um estacionamento rotativo no quadrilátero central, seja para organizar o trânsito ou mesmo para promover a abertura de vagas. Agora há uma série de situações que precisam ser debatidas em relação ao serviço prestado pela empresa que explora o sistema hoje, que tem deixado muito a desejar e não tem tido nenhum tipo de fiscalização e cobrança por parte do poder público.

Assim, conforme noticiado na edição de hoje do A TRIBUNA, faz todo sentido o requerimento almejado pelo vereador Reginaldo Santos visando que o Município rescinda o contrato com a empresa que explora o referido sistema. Além da má prestação de serviços, o parlamentar atesta que a empresa acumula dívidas milionárias com o poder público referentes a outorga da concessão e ao Imposto sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISSQN).

Com uma possível saída da atual empresa, é preciso pensar em mudanças no funcionamento do estacionamento rotativo, entre elas o barateamento da hora estacionada e a facilidade para aquisição de tickets. Uma ideia é que o serviço seja executado por entidades filantrópicas e coordenado pela própria Secretaria de Trânsito, ajudando a baratear custos – como acontece em vários municípios brasileiros.

O que não pode é nosso quadrilátero central ficar nessa bagunça e com muita gente preferindo comprar nos bairros em detrimento do Centro, devido o estacionamento. O Município precisa se reunir com os comerciantes, entidades, sua equipe e profissionais para fazer desse momento uma completa reformulação no Rotativo Rondon, para que o mesmo possa contribuir efetivamente para organizar o trânsito e ao mesmo tempo fomentar e movimentar as lojas dessa região!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui