O jornal A TRIBUNA completou, recentemente, 51 anos de circulação ininterrupta – (Foto: Arquivo)

Na semana em que completou 51 anos de fundação, o Jornal A TRIBUNA recebeu a notícia de que o projeto de lei que o institui como veículo de relevante interesse cultural do estado de Mato Grosso, de autoria do deputado estadual Sebastião Rezende, foi aprovado em primeira votação pela Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso. O jornal fez aniversário neste dia 7 de junho e teve a honra da aprovação em primeira votação desse projeto neste dia 9 de junho de 2021.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————————————————————————————————

 

 

O deputado Sebastião Rezende protocolou o projeto de lei propondo efetivar o A TRIBUNA, de Rondonópolis, como de interesse cultural do Estado de Mato Grosso em junho de 2020, quando o periódico completou a marca histórica de 50 anos. De lá para cá, o projeto já teve parecer favorável da Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia, Cultura e Desporto da Assembleia. E, agora com a primeira votação, vai para análise da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa.

Rezende acompanhou grande parte da trajetória do A TRIBUNA, que por sua vez registrou a sua ascensão política e seu trabalho parlamentar ao longo dos anos. Testemunha dessa trajetória, o parlamentar acredita que tudo caminha para que o A TRIBUNA se torne um dos primeiros – se não o primeiro órgão de imprensa – a estampar o honroso título de relevante interesse cultural do Estado de Mato Grosso.

Nesse sentido, o relatório da Comissão de Educação, por exemplo, atesta que o A TRIBUNA mantém forte elo com a população rondonopolitana, atuando em seu favor para a construção de uma cidade melhor. “Nestes 50 anos já conquistou a credibilidade da sociedade de Rondonópolis e região,  que sempre esteve ligada diretamente com o jornal, tendo como principal preocupação o social, encampando campanhas e levantando bandeiras, como a recente luta pela duplicação da BR-364”, consta.

 

Projeto de lei é de autoria do deputado Sebastião Rezende – (Foto: Arquivo)

 

O relatório também enfatiza que, devido a sua importância, o jornal já foi reconhecido de várias formas, através de honrarias na Câmara Municipal, pela Assembleia Legislativa, por prêmios diversos como o Top of Mind da Revista RDM, de Cuiabá, o Destaque Empresarial, da ACIR, e o Mérito Lojista, da CDL, inclusive com sua premiação máxima: a empresa mais admirada em Rondonópolis. “Não resta dúvida que o jornal tem uma história de participação efetiva junto a sociedade, de contribuição com o crescimento e desenvolvimento de Mato Grosso”, pontua o relatório.

O projeto de lei de autoria do deputado Sebastião Rezende, por sua vez, não esquece de citar que o Jornal A TRIBUNA foi fundado no dia 7 de junho de 1970, sendo hoje um dos mais importantes jornais do Estado de Mato Grosso. Lembra que, na época da fundação, levava o nome de “Tribuna do Leste”, pois o município de  Rondonópolis – antes da divisão do Estado de Mato Grosso – pertencia geograficamente ao Leste do Estado. O antigo nome deixou de ser usado com a divisão de Mato Grosso, a partir de 1978, quando o jornal passou a se valer do nome A TRIBUNA.

Em sua justificativa, Rezende destaca que o A TRIBUNA foi o primeiro jornal com circulação periódica de Rondonópolis, sendo um dos mais antigos de Mato Grosso ainda em atividade. O fundador foi o jornalista Aroldo Marmo de Souza, que acabou falecendo em 1980. Desde então, o jornal passou a ser dirigido por sua esposa Janice Logrado e pelo irmão desta, Samuel Logrado.

Ao longo desses anos, consta ainda que o Jornal A TRIBUNA passou por inúmeros avanços e investimentos, sejam na periodicidade, em equipamentos, tecnologias, estrutura física ou em profissionais. Assim, aponta que os resultados podem ser atestados hoje na sua grande aceitação e credibilidade perante o mercado, sendo um veículo de comunicação referência na cidade, com a conquista dos principais prêmios do mercado.

“Diante de uma história de participação efetiva de bem informar, de contribuição com o crescimento e desenvolvimento do Estado de Mato Grosso, acrescido da forma responsável, imparcial e coerente que nesses anos ininterruptos tem levado informação à toda Região Sul/Sudeste e ao nosso Estado, faz-se meritório reconhecer o Jornal A TRIBUNA da cidade de Rondonópolis como de relevante interesse cultural do Estado de Mato Grosso”, assegura Rezende.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here