Da esquerda para a direita: Nelson, proprietário do avião; José Carlos, uma das vítimas; Faustino, empresário em Itiquira, e o piloto Neno – (Foto: Reprodução)

Duas das quatro vítimas do acidente com o avião que caiu nesta terça-feira (8) próximo à Rodovia do Peixe, em Rondonópolis, tiveram os corpos levados ontem para Cuiabá, visando a identificação por meio de DNA ou arcada dentária no Instituto Médico Legal (IML). Essas vítimas não identificadas foram do dono da aeronave, Nelson Siton Júnior Landim, e do mecânico José Carlos Rodrigues de Souza.

Segundo informado ao A TRIBUNA, a primeira vítima a ser identificada foi de Faustino Barbosa, com familiares em Rondonópolis, mas que morava em Itiquira. Seu corpo foi levado no começo da tarde de ontem para o funeral em Itiquira, local do sepultamento.

A segunda vítima identificada foi do piloto Nacionízio Jacó da Silva Filho (o Neno), que teve uma despedida ontem das 18h30 às 22h na Funerária Rondonópolis. O corpo de Nacionízio foi identificado graças à aliança que usava com o nome da esposa. Nacionízio teve o corpo levado para Cuiabá, onde hoje será sepultado.

Após a identificação dos corpos de Nelson e José Carlos, os mesmos devem ser trazidos para Rondonópolis. Contudo, após a preparação do corpo, José Carlos será trasladado para Poxoréu, onde será sepultado.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here