Deputado estadual Sebastião Rezende: “O Ganha Tempo facilita muito a vida das pessoas” (Foto – Arquivo)

Após o retorno do atendimento presencial no Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) em todo Mato Grosso, o deputado estadual Sebastião Rezende obteve ontem a garantia do secretário estadual de Gestão e Planejamento (Seges/Seplan), Basílio Bezerra, de que as unidades do Ganha Tempo no Estado, incluindo em Rondonópolis, vão ser reabertas para atendimento presencial na próxima semana.

Segundo o parlamentar, os pedidos de reabertura dos serviços públicos do Estado vêm sendo constantes por parte dos cidadãos. Nesse contexto, Rezende conta que vinha articulando há cerca de 30 dias a retomada de serviços como no Detran-MT e no Ganha Tempo, que estavam fechados em função de normativas baixadas por causa da pandemia. E, graças ao decreto estadual nº 931, de 04 de maio de 2021, os atendimentos presenciais nos órgãos públicos ficaram novamente permitidos.

Com a retomada nesta quinta-feira (6/5) do atendimento presencial no Detran-MT, Rezende manteve contato ontem com o secretário Basílio Bezerra para saber da situação do Ganha Tempo, que possui sete unidades em Mato Grosso. Em função de possíveis irregularidades, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) determinou que o Governo do Estado anulasse o contrato com o Consórcio Rio Verde na Concorrência Pública e Contrato e passasse a fazer a própria operacionalização/gestão do sistema.

“O secretário me assegurou que na próxima semana o Ganha Tempo retoma os atendimentos presenciais”, externou o deputado ao Jornal A TRIBUNA, ponderando que não é possível dizer se todos os serviços já estarão em funcionamento nessa reabertura. “O Ganha Tempo facilita muito a vida das pessoas. Temos recebido muitas reclamações quanto ao fechamento das unidades”, avaliou.

Em Rondonópolis, por exemplo, funcionam os mais diversos serviços no Ganha Tempo, como do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Polícia Militar, Politec, Secretaria de Fazenda (Sefaz), Procuradoria-Geral do Estado (PGE), Sine, Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Procon, Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Infocentro, Sanear, Secretarias Municipais da Receita, de Transporte e Trânsito, de Promoção Social, de Desenvolvimento Econômico, de Meio Ambiente e de Habitação e Urbanismo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here