Deputado Sebastião Rezende, em audiência com autoridades, acompanha a apresentação dos projetos da futura sede da Sema-MT

O deputado estadual Sebastião Rezende segue envidando esforços para concretizar a reforma do antigo prédio da 2ª Ciretran, localizado no bairro Colina Verde, para que possa abrigar a sede da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) em Rondonópolis.

Através da sua luta, o prédio que estava abandonado vai abrigar a Regional da Sema de Rondonópolis.

Em mais uma etapa para efetivação desse processo, Rezende esteve nesta sexta-feira (16/04) na sede da Sema-MT, em Cuiabá, em audiência com a titular da referida Pasta, Mauren Lazzaretti, o secretário-adjunto de Gestão Ambiental, Alex Sandro Marega, a coordenadora de Projetos, engenheira Nilma Farias, e o diretor regional da Sema de Rondonópolis, Ailton Fonseca, ocasião em que o arquiteto Juander Oliveira fez a apresentação dos projetos da reforma do prédio.

Projeto mostra a perspectiva da fachada do prédio, depois de reformado, que abrigará a Sema-MT de Rondonópolis

A ideia de utilização do prédio que estava abandonado prosperou quando o diretor da Sema em Rondonópolis, Ailton Fonseca, procurou o deputado Sebastião Rezende para pleitear esse espaço para o órgão, considerando que atualmente paga aluguel em sua estrutura no município. Nesse contexto, vale destacar ainda que o prédio que abrigou a Ciretran na cidade é amplo, bem localizado e pertence ao Governo do Estado.

Sebastião Rezende informou que, tão logo estejam concluídos, a Sema-MT fará a aprovação dos projetos dessa reforma nos órgãos competentes e, junto com a secretária Mauren Lazzaretti, continuará trabalhando e dando o apoio necessário para que ainda no 2º semestre de 2021 possa ser iniciada a reforma da futura sede da Regional da Sema-MT de Rondonópolis.

O parlamentar enfatiza ainda que a reforma e ocupação do antigo prédio vai acabar com uma série de problemas atualmente enfrentados pelos moradores diante do espaço abandonado, como o mato alto e sujeira, servindo para proliferação de animais indesejáveis e para o mosquito da dengue, além de servir como esconderijo para bandidos e usuários de drogas.

E, depois de reformado, o prédio no bairro Colina Verde vai atender perfeitamente as necessidades da Sema, seja nas áreas administrativa ou operacional, com o amplo pátio que poderá comportar as embarcações de pesca, as caminhonetes de fiscalização e os materiais de apreensão.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here