Deputado Claudinei se reuniu com o presidente e profissionais de relacionamento da Energisa, assentados e vereador Leônidas – (Foto – Reprodução)

O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) e o diretor-presidente da Energisa, Riberto José Barbanera, participaram de reunião remota, nesta quinta-feira (15), para tratar das melhorias e adequações para o fornecimento de energia elétrica em cinco assentamentos localizados no município de Poxoréu. A região conta com aproximadamente 10 mil famílias.
Claudinei esteve na região, em março, para levantar as principais demandas dos moradores.

“Me comprometi a fechar essa agenda com o diretor-presidente da Energisa e com os assentados para sabermos quais os caminhos a percorrer para resolvermos a situação da energia elétrica, já que foi um dos problemas que eles nos apontaram. Agradeço ao Riberto por ter nos atendido, a gente sabe que é necessário a regularização dos títulos das propriedades e os moradores estão sofrendo com a falta de energia”.

Muitos moradores questionam quando vai ter energia na região, diz Claudinei Menegon, pois almejam tê-la para ter o conforto e bem-estar em suas moradias.

“Pensamos em buscar essa ajuda junto aos órgãos que realmente precisam nos ajudar e nada melhor buscar com o presidente da Energisa e o deputado Claudinei, uma maneira de regularizar essa energia. Nós sabemos que uma casa sem energia é muito difícil para uma família sobreviver, principalmente em uma região rural”, comenta o morador.

Riberto elogiou a iniciativa do deputado Claudinei em intervir na situação dos assentados.

“Parabéns pela iniciativa, o deputado sempre preocupado com a população. Eu acredito que quando juntamos para resolver o problema, a gente consegue. Essa postura de promover o diálogo, quero parabenizar o deputado, pois este é o caminho para construir soluções, muito mais, do que colocar dificuldades para que elas aconteçam de fato. É o que a sociedade precisa”, salienta o diretor-presidente.

Segundo ele, não será a primeira vez que ele depara com uma situação semelhante de Poxoréu.

“Temos que cumprir a legislação para não haver punições. A gente começa montando um grupo, promovendo um debate entre prefeitura, Câmara de Vereadores, Energisa, entre outros órgãos competentes, para a gente ver como é a situação do terreno, riscos e até onde podemos ir”, explica Riberto.

“Vamos juntos. Vamos legalizar os terrenos, vamos olhar para os riscos, ver a condição social, soluções e alternativas, vamos construir soluções e atendendo as pessoas. O setor elétrico tem regras rígidas, a obra tem custo, uma parte é paga aos interessados e outra pela concessionária. Nos colocamos à disposição, não queremos a população no escuro”, posiciona.

Logo, Riberto já movimentou os trabalhos, para que o gerente e coordenador de relacionamento da Energisa, respectivamente, Murilo Galvão e Juliano de Souza, que acompanharam a reunião remota, já tomassem as devidas providências em conjunto com a Prefeitura de Poxoréu.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here