Amanhã vou para o rio tomar banho.
Lá encontrarei muitos amigos
Brincarei com todos eles
E verei muitos peixinhos.

No rio tem muitas lembranças.
Lembranças de muitas alegrias
Ainda tenho a esperança
De fazer uma linda poesia.

Que fale de minha aventura no rio
Que fale de meus amiguinhos
Mostrando o desembocar do rio,
Com muito amor e carinho.

Este rio que falo agora
É o fio condutor de nossa vida
O que dá a tristeza de irmos embora
E o choro da despedida.

É o fio que nos conduz a alegria
Que nos dá a felicidade
Por sabermos fazer da poesia
A nossa amiga de verdade.

Estou falando que ainda vou ao rio
Tomar um banho de verão
Mesmo sendo a estação primavera
Vou tomar um banho de verão.

(*) Aires José Pereira é escritor com 17 livros publicados, coautor do Hino de Rondonópolis, prof. da UFR, Doutor em Geografia na UFU, graduado e Especialista em Geografia pela UFMT, Mestre em Planejamento Urbano pela FAU-UnB e membro efetivo da Academia de Letras de Araguaína e Norte Tocantinense. Atualmente é coordenador do curso de Geografia, do PIBID de Geografia, do Estágio Supervisionado e professor Adjunto IV.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here