O publicitário Walmor Miranda, aos 55 anos, foi mais uma das vítimas da covid-19 em Rondonópolis – (Foto – Arquivo)

Rondonópolis teve mais cinco mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas. Foram registrados óbitos na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no Hospital Regional de Rondonópolis, na Santa Casa e no Hospital Unimed. Todos os óbitos registrados ontem (5) foram de homens. Eles tinham idades entre 42 anos e 77 anos.

A Secretaria Municipal de Saúde também informou ontem no boletim epidemiológico da Covid-19 que mais quatro óbitos ocorridos no mês de março em Rondonópolis seguem em análise.

Neste fim de semana, entre sexta-feira (2) e domingo (4), Rondonópolis registrou mais 13 mortes pela doença. No total, a cidade teve um total de 599 mortes pela Covid-19 desde o início da pandemia há 13 meses.

Entre os óbitos desde fim de semana está o do publicitário Walmor Miranda, que faleceu no domingo (4) no Hospital Unimed onde estava internado na UTI. Walmor tinha 55 anos e era muito conhecido em Rondonópolis.

Era casado com Alessandra Miranda e tinha dois filhos. Morava em Rondonópolis há 22 anos.

Ao longo da carreira, Walmor atuou em várias empresas privadas e também no setor público. Foi inclusive Secretário de Comunicação da Prefeitura de Rondonópolis na primeira gestão de José Carlos do Pátio. Walmor Miranda foi sepultado ontem na cidade de Rio Verde (GO), para onde o corpo foi transladado ainda no domingo.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

Também foram registrados 152 novos casos confirmados da Covid-19 nas últimas 24 horas. São 24.047 pessoas infectadas em Rondonópolis. Destas, 22.024 já se recuperaram da doença e 1.424 seguem com o vírus ativo em tratamento.

Rondonópolis tinha até ontem 1.325 pessoas em tratamento domiciliar e 99 moradores da cidade hospitalizados. São 143 pessoas com Covid-19 internadas em hospitais da cidade. Dessas, 49 estão internadas em leitos de tratamento intensivo, 15 em tratamento semi-intensivo e 77 em leitos de enfermaria.

A cidade segue sem leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTIs). No Hospital Regional de Rondonópolis, 10 pacientes estavam em leitos de UTI, na Santa Casa eram 23, no Hospital Municipal Antônio dos Santos Muniz eram 6 pessoas internadas na UTI e no Hospital Unimed eram 10 pacientes na UTI. Na UPA, 15 pacientes estavam internados em leitos semi-intensivos. Não haviam leitos de UTI e nem semi-intensivos disponíveis ontem.

Conforme dados da Central de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde, a fila de pacientes que aguardavam um leito ontem em Rondonópolis chegou a 31. Destes, 12 eram pacientes residentes em Rondonópolis e os demais de outras cidades da região.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here