Vereador doutor José Felipe Horta: “serviço poderia ser custeado com os R$ 500 mil que a Câmara devolveu para a Prefeitura” – (Foto: Divulgação)

 

O vereador doutor José Felipe Horta (Podemos) vem solicitando, desde o dia 9 de março, primeiramente na reunião do Conselho Consultivo, que os atendimentos à população com suspeita de contágio com o novo coronavírus voltem a ser realizados em uma das praças da região central da cidade.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

O vereador explanou que no ano passado, quando a sociedade civil se organizou e ofereceu esse serviço através do Programa Missão Cidadão, teve um excelente resultado e que agora poderia ser retomado pelo poder público, por meio da rede “Sentinela”.

“Este serviço poderia ser custeado com os R$ 500 mil que a Câmara devolveu para a Prefeitura, numa ação que avalio muito positiva do presidente da Casa de Leis, vereador Roni Magnani (SD), o qual já está discutindo a possibilidade com a Secretaria Municipal de Saúde”, explicou o vereador doutor José Felipe.

 

Recentemente, o vereador José Felipe, juntamente com o deputado estadual delegado Claudinei Lopes (PSL) e o vereador Subtenente Guinancio (PSDB), se reuniu com o comandante do 18º GAC, Tenente-Coronel Bittencourt, e solicitou uma parceria entre o poder público e o Exército. O comandante teria se colocado à disposição de fornecer as tendas e a mão de obra para montar a rede de atendimento central.

“A nossa cidade vem passando por momentos sombrios relacionados a pandemia.

Estamos classificados como risco muito alto, nossas UTIs estão com lotação, o vírus variante está aqui e a comprovação do contágio e o tratamento precoce são de grande auxílio tanto para a recuperação dos pacientes como para cessar o contágio”, disse o vereador.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here