(Foto: Arquivo)

 

Os R$ 500 mil das sobras dos gastos do duodécimo dos vereadores referente ao primeiro trimestre de 2021, que a Câmara Municipal irá devolver para a Prefeitura, serão restritos para investimentos no combate à Covid-19. A afirmação é do vereador Roni Magnani (SD), presidente da Casa de Leis.

“Esse recurso poderá servir para compra de insumos como oxigênio, testes, respiradores, contratação de profissionais e implantação de leitos de UTI”, disse o Roni Magnani.

 

Na semana passada, a Câmara Municipal havia aprovado recursos que já estão sendo aplicados no combate à Covid-19. Ao todo, a Câmara autorizou a Prefeitura a utilizar mais R$ 25 milhões nesse intuito.

No domingo (28), o prefeito Zé Carlos do Pátio (SD) anunciou dez novas UTIs que funcionarão no Hospital de Retaguarda, localizado atrás da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Município.

“A implantação dos 10 novos leitos de UTI no Hospital Municipal Dr. Antônio Muniz é uma vitória do município na luta contra a Covid-19”, disse o presidente da Câmara.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here