Reunião ocorrida entre o prefeito Zé do Pátio e professores do curso de Medicina da UFR, com intermediação do vereador José Felipe – (Foto – Divulgação)

 

O vereador Doutor José Felipe Horta (Pode) está defendendo a abertura de residência médica em Saúde da Família e Comunidade na rede básica de saúde de Rondonópolis.

Na última quinta-feira (18), ele intermediou uma reunião entre a coordenação do curso de Medicina da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR) e o Poder Executivo Municipal para tratar da proposta.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

Segundo o vereador, a ideia é uma alternativa de resolver o déficit de profissionais médicos no município.

“A residência tem previsão de duração de dois anos, podendo iniciar com quatro médicos no primeiro ano e ampliando para oito médicos residentes no segundo ano de residência (quatro R2+ quatro R1).

Os médicos serão formados em uma especialidade que os preparam para a prática do cuidado integral e humanizado, com a capacidade de compreensão do contexto pessoal, familiar e comunitário dos cidadãos, oferecendo uma melhor qualificação e satisfação do serviço de saúde do município para o usuário.

Essa residência seria um ótimo mecanismo para atrairmos e fixarmos novos médicos em nosso município e resolveríamos o déficit de profissionais na área”.

Na reunião para tratar do assunto, estiveram presentes os coordenadores e professores do curso de Medicina, Márcio José Ferreira, Dr. Rafael Mederi, Dra. Sharon Marjorie Alves de Paula Leocádio, Dr. Otto Gerardo Mojica Vera, vereador Doutor José Felipe Horta, o prefeito José Carlos do Pátio e o secretário de Saúde, Rodrigo Ferreira.

“O prefeito disse que vê o projeto com bons olhos, sendo necessários alguns ajustes. O projeto será revisto e uma nova reunião será agendada. O projeto de residência é elaborado pelo MEC e tem alguns critérios que devem ser seguidos. Atualmente já funciona em Sinop-MT”.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here