O presente artigo tem como proposta trazer temas questionadores e atualizados com relação à Deficiência Auditiva. No passado, costumava-se achar que surdez era acompanhada por algum tipo de déficit de inteligência. Entretanto, com a inclusão dos surdos no processo educativo, compreendeu-se que eles, em sua maioria, não tinham a possibilidade de desenvolver a inteligência em virtude dos poucos estímulos que recebiam e que isto era devido à dificuldade de comunicação entre surdos e ouvintes.

Porém, o desenvolvimento das diversas línguas de sinais e o trabalho de ensino das línguas orais permitiram aos surdos os meios de desenvolvimento de sua inteligência. Através desde poderão ser sanadas dúvidas em relação a Deficiência Auditiva, com o objetivo de investigar os sentimentos, as reações e as expectativas dos pais em relação à deficiência de audição do filho, verificando por meio da análise do discurso do sujeito coletivo, que as famílias reagem de forma parecida ao receberem o diagnóstico, porém têm expectativas diferentes em relação às possibilidades da criança com deficiência de audição.

Isso nos permite que o fonoaudiólogo deve saber escutar os pais a fim de oferecer-lhes respostas para suas dúvidas, dar-lhes suporte e força para desabafar seus sentimentos e superar suas dificuldades ante a deficiência auditiva de seu filho, dando maior ênfase às questões envolvidas nos aspectos educacionais das pessoas com essa deficiência.

Serão expostas formas para esclarecer dúvidas e dificuldades encontradas pelos educadores ao lidar com estudantes com essa deficiência e também sugestões de como identificar, nesse caso, a Deficiência Auditiva, mostrando meios aos familiares de como proceder em prol de benefícios, porque falar sobre educação inclusiva é muito fácil, em contrapartida incluir que o primordial, transmitir aos educadores e a sociedade em geral não estão realmente preparados para receberem esses estudantes em seu ambiente profissional, educacional e até mesmo social.

 

(*) Francisco Celio Bezerra, acadêmico do curso de Pedagogia – Licenciatura, 4º Semestre; Coordenadora pedagógica, Alessandra Lima (nível superior em RH); Tutora presencial: Edima Severino da Silva (graduada normal superior em Educação Infantil; Pedagogia; Pós-graduada em Gestão e Currículo nas séries iniciais e infantil; Pós-graduada em AEE Educação Especial e Inclusão; Libras, Tradução e Docência

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here