A desembargadora Maria Helena Gargaglione Póvoas foi eleita presidente e para a vice-presidência foi eleita a desembargadora Maria Aparecida Ribeiro

 

O Pleno do Tribunal de Justiça de Mato Grosso elegeu ontem (26), em sessão extraordinária administrativa, os novos gestores administrativos do Poder Judiciário Estadual para o biênio 2021/2022. A desembargadora Maria Helena Gargaglione Póvoas foi eleita presidente.

Para a vice-presidência foi eleita a desembargadora Maria Aparecida Ribeiro e para corregedor-geral da Justiça, o desembargador José Zuquim Nogueira.

Os magistrados foram eleitos na tarde desta quinta-feira (26 de outubro), durante sessão por videoconferência. A votação foi realizada por sistema eletrônico e os trabalhos da apuração dos votos foram conduzidos pelo desembargador Orlando de Almeida Perri.

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

A cerimônia de posse da nova diretoria eleita será realizada no próximo dia 18 de dezembro e a entrada em exercício nos respectivos cargos de direção se dará em 1º de janeiro de 2021.

 

Tribunal Pleno

Em sessão extraordinária administrativa realizada ontem (26 de novembro), o Tribunal Pleno elegeu cinco desembargadores para preencher as vagas do Órgão Especial para o biênio 2021/2022. Foram eleitos: Carlos Alberto Alves da Rocha, Clarice Claudino da Silva, Rui Ramos Ribeiro, Marcos Machado e Nilza Maria Pôssas de Carvalho.

Ficaram como suplentes os desembargadores Márcio Vidal, Rondon Bassil Dower Filho e Serly Marcondes Alves.

O Órgão Especial do TJMT é composto por 13 desembargadores, sendo três natos (presidente, vice-presidente e corregedor-geral da Justiça) e mais 10, cinco dos mais antigos e cinco eleitos dentre os outros desembargadores.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here