Até o fim da tarde de ontem, 35 pessoas estavam em leitos de UTI por causa da Covid-19, em hospitais públicos e privados da cidade – (Foto: Arquivo)

Foram notificados 48 novos casos da Covid-19 em um período de 24 horas na cidade, conforme consta no último Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde. Rondonópolis chegou a 12.959 casos da doença, com 12.373 pacientes recuperados, o que representa 95.5% do total de infectados.

Nas últimas 24 horas avaliadas, nenhum óbito de morador da cidade em decorrência da Covid-19 foi registrado. Com isso, o município segue com 371 óbitos notificados desde o início da pandemia. Existem ainda 215 pessoas com o vírus ativo, que estão sendo monitoradas pela Secretaria de Saúde.

Até o fim da tarde de ontem, 35 pessoas estavam em leitos de UTI por causa da Covid-19, em hospitais públicos e privados da cidade. Outras 43 estavam em leitos de enfermaria e uma pessoa estava internada em leito semi-intensivo da UPA.

A taxa de ocupação de vagas na cidade ontem, exclusivas para pacientes com a Covid-19, era de 83,3% na UTI do Hospital Regional, 119.0% nas UTIs da Santa Casa e do Hospital da Unimed e 10.0% no semi-intensivo da UPA. No caso das enfermarias, o volume de internações era baixo, tanto na rede pública quanto na privada.

 

MATO GROSSO

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) notificou, até a tarde de ontem (26), 157.524 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 4.116 mortes em decorrência do coronavírus no estado.

Foram notificadas 587 novas confirmações de casos de coronavírus e 5 mortes nas últimas 24 horas. Dos 157.524 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 5.550 estão em isolamento domiciliar e 147.402 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 135 internações em UTIs públicas e 140 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 33,50% para UTIs adulto e em 16% para enfermarias adulto.

 

RISCO BAIXO

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou, ontem (26), mais um boletim informativo com o panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso. Nesta edição do Boletim, os 141 municípios do Estado configuram na classificação de risco baixo de infecção pelo coronavírus.

Esse status já se mantém por 24 dias. Em 02 de novembro, Ribeirãozinho foi a última cidade classificada com risco “moderado”. Desde então, nenhuma cidade de Mato Grosso foi classificada com risco muito alto, representado pela cor vermelha e que indica alerta máximo de contaminação, ou amarela, que indica alerta moderado.

O sistema de classificação que indica o nível de risco é definido por cores: muito alto (vermelho), alto (laranja), moderado (amarelo) e baixo (verde). De acordo com a definição dos riscos, é necessária a adoção de medidas restritivas para o controle da propagação do coronavírus nas cidades.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here