Nos leitos de UTI, 34 pessoas estavam internadas até a tarde de ontem – (Foto: Arquivo)

 

A Secretaria Municipal de Saúde confirmou mais um óbito em decorrência da Covid-19, sendo um homem de 69 anos, que morreu anteontem (24) no Hospital da Unimed, tendo como comorbidade a diabetes.

Já são 371 vidas rondonopolitanas perdidas desde o início da pandemia, com mais essa confirmação.

Nas últimas 24 horas, foram 67 novos casos da doença confirmados no município, chegando a 12.911 desde o primeiro registro. Dos pacientes infectados, 12.258 se recuperaram, 371 vieram a óbito, como já citado anteriormente e 282 estão com o vírus ativo, ou seja, ainda seguem doentes.

Desses, 229 estão em isolamento domiciliar e são monitorados pela Secretaria Municipal de Saúde, e outros 53 estão hospitalizados. Existem ainda, nos hospitais públicos e privados de Rondonópolis, 18 pacientes internados que estão com suspeita da doença, aguardando o resultado de exames.

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————————————————————————————————

 

 

Nos leitos de UTI, 34 pessoas estavam internadas até a tarde de ontem (25), e outras 35 em leitos de enfermaria. Já nos leitos semi-intensivos da UPA, dois pacientes estavam internados.

A taxa de ocupação de leitos apresentou uma leve melhora, como no caso do Hospital Regional, que ontem tinha 2 vagas disponíveis para pacientes com a Covid-19.

 

Mato Grosso

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde de ontem, 156.937 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 4.111 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 760 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado e 4 novos óbitos. Dos 156.937 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 5.476 estão em isolamento domiciliar e 146.900 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 134 internações em UTIs públicas e 139 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 33,25% para UTIs adulto e em 16% para enfermarias adulto.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here