Os pré-candidatos a prefeito vêm apresentando à Justiça Eleitoral suas declarações de bens.

 

 

O pré-candidato a prefeito Luizão (PRB) foi o que declarou o maior patrimônio, até agora, entre os oito que vão concorrer a Prefeitura nas eleições municipais do dia 15 de novembro, com uma declaração de bens no valor de R$ 33.454.421,43 (mais de R$ 33 milhões).

As informações são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que disponibiliza a declaração de bens daqueles que vão concorrer as eleições.

Entre os principais bens declarados, Luizão informou para a Justiça Eleitoral que tem R$ 12 milhões para receber referente à venda da área de terras pastais e lavradias, com 3.796 hectares da Fazenda Sonho da Garça, no município de Santo Antônio de Leverger; possui quotas ou quinhões de capital de mais de R$6 milhões; uma área de terras situada na Avenida Beira Rio, bairro Barbado com 60.341m2 em Cuiabá avaliado em R$1,1 milhão;

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

mais quotas ou quinhões de capital de quase R$ 5 milhões da empresa LFHC Participações LTDA; e mais R$ 880 mil de quotas ou quinhões de capital da Enebras Projetos de Usinas Hidrelétricas LTDA. Entre os demais bens de Luizão, estão caminhão, automóveis, depósitos bancários, conta de empresas, armazéns de estrutura metálica, terrenos em Rondonópolis e outros.

 

 

O pré-candidato a prefeito Thiago Muniz (Dem) declarou à Justiça Eleitoral R$8.185.483,35 em bens, como detentor de 50% das Cotas de Capital da Empresa TMI Investimentos avaliadas em mais de R$ 500 mil, casa no Residencial Granville no valor de R$ 389 mil, casa no Village do Cerrado avaliada em R$ 413 mil, saldo de R$ 300 mil em conta, dentre outras participações de empresa do ramo da construção civil, chácara, imóveis e automóveis.

 

 

Depois aparece o pré-candidato Coronel Bonoto (PRTB), que declarou R$ 1.360.000,00 a Justiça Eleitoral. Entre os bens declarados está uma casa no Jardim Luz da Yara avaliada em R$ 400 mil, moeda em poder, ou seja, dinheiro em espécie na moeda nacional no valor de R$500 mil, chácara com 8 hectares localizada no município de São Sepé, e outros bens e direitos no valor de R$350 mil, Fiat Cupe ano 1996/1996 no valor de R$25 mil, Santa Fé Hyundai ano 2009/2010 avaliado em R$ 85 mil. Segundo o pré-candidato Coronel Bonoto, a declaração do valor de R$ 500 mil em espécie foi um erro contábil e será corrigido.

“Eu não tenho este montante de recurso guardado, pois tudo que tenho é declarado”, disse.

 

 

O pré-candidato a prefeito Cláudio Paisagista (DC) informou em bens o valor de R$ 501.905,87. Na relação de bens aparece um veículo Honda City, avaliado em R$58.344,12, 2 hectares da Estância Nova Esperança avaliados em R$225.600,00, capital da Empresa Individual – Cláudio Ferreira de Souza ME R$100 mil, um terreno na Vila Operária avaliado em R$ 75 mil, dentre outros imóveis e depósitos bancários.

 

 

Em sua declaração de bens, o pré-candidato a prefeito Ubaldo (Cidadania), informou que possui em bens R$1.034.000,00, sendo 50% de terreno na Avenida Bandeirantes avaliado em R$ 770 mil, 50% de um terreno no Residencial Sunflower avaliado em R$56.500,00, 50% lote no Granville avaliado em R$150 mil, 50% de outro terreno no Residencial Granville avaliado em R$57.500,00.

No site do TSE ainda não aprecem os registros de candidatura e declaração de bens dos pré-candidato Kleber Amorim (PT), Kleison Teixeira (PSOL) e do prefeito Zé Carlos do Pátio (SD), que vai buscar a reeleição.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here