O chefe do Executivo Estadual agradeceu o apoio da Assembleia Legislativa e o empenho dos servidores – (Foto: Divulgação)

 

O governador Mauro Mendes anunciou ontem (22/09) que os salários dos servidores voltarão a ser pagos dentro do mês trabalhado.

A medida já vale para este mês de setembro, cujo pagamento já será feito na próxima quarta-feira (30/09).

“É com muita satisfação que anúncio para todos os servidores do Estado de Mato Grosso que os salários voltam a ser pagos dentro do mês trabalhado, isso significa que voltamos a pagar no último dia útil de cada mês e, agora em setembro, os salários serão efetivados no dia 30”, destacou Mauro Mendes.

 

Ele lembrou que ao iniciar a gestão, os salários estavam atrasados e com os ajustes, em poucos meses já foi possível pagar no dia 10 de cada mês.

 

  
————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

Nos últimos meses, os pagamentos eram feitos no dia 5 e, no dia 4 de setembro, foi possível quitar os vencimentos de agosto.

Por tudo isso, o chefe do Executivo Estadual agradeceu o apoio da Assembleia Legislativa e o empenho dos servidores que atuaram na recuperação econômica do Estado.

“Tivemos muito trabalho em 2019, com dificuldades de caixa, e este ano, com a pandemia.

Mas esse é um sinal claro de que todas as medidas que tomamos lá no começo do ano passado e outras tomadas em 2020 estão produzindo resultados positivos”, afirmou o governador.

 

Mauro Mendes elencou as obras de infraestrutura, na saúde e educação que hoje são tocadas pelo Estado e permitem a geração de mais de 10 mil empregos. Só para citar como exemplo, o Governo investe R$ 1 bilhão em obras em rodovias e pontes, R$ 150 milhões na construção e reforma de escolas e na modernização de unidades de saúde em todo o Estado.

“Nos próximos dias anunciaremos os investimentos para 2021 e tenho certeza de que teremos um ano que vem ainda melhor.

Mato Grosso pode voltar a se colocar como um estado promotor de desenvolvimento, com políticas públicas em todas as áreas”, concluiu ele.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here