Qual é o impossível agora na sua vida, nesses tempos em que você está vivendo? Deus lhe atende, porque para Ele nada é impossível! Jesus disse claramente que para Ele nada é impossível: “Filho do homem, poderiam esses ossos retornar à vida?” (Ez 37,3). Uma pergunta difícil, naquela situação: ossos secos, voltarem à vida?

Ele quer que você saiba que Ele é o Senhor. E hoje, mais do que nunca, escolha Jesus como seu único Senhor. Meus irmãos, “emunah” é grito do homem de fé, que acredita em Deus, e, portanto, grita: Eu creio! Realiza sua obra, Senhor!

O Espírito Santo quer descer sobre nós. Eu não sou nada, mas pela ordem e poder de Deus, eu peço que a cura aconteça. São pessoas doentes no espírito, que precisam de vida. E essa doença é muito mais grave. Que elas revivam! Vem Espírito, dos quatro cantos do Céu, e sopre sobre esses “mortos”.

Pessoas que estão perdidas na vida, que perderam a esperança, o ânimo, que não têm mais coragem e precisam urgentemente do poder de Deus. Que elas revivam, Senhor!

Precisamos acreditar e viver o milagre nosso de cada dia. Assim como o Senhor nos diz para pedir o pão o nosso de cada dia, Ele quer que nós peçamos o milagre nosso de cada dia. Eu peço o dom do Espírito Santo, que nos leva à fé que Jesus diz que transporta montanhas. Eu peço, Senhor: “Emunah” para esses meus irmãos, para que eles realmente acreditem no milagre nosso de cada dia, eles precisam!

Peça do fundo do coração a graça da efusão, de um batismo no Espírito Santo, que eu testemunho: foi a maior graça e milagre da minha vida. Foi numa situação dificílima, que Deus me concedeu a graça do batismo no Espírito Santo, que revirou a minha vida. E tudo o que eu fiz é resultado daquela graça recebida. A Canção Nova é resultado do meu batismo no Espírito Santo. Que você também experimente, em sua vida, as consequências maravilhosas do batismo no Espírito Santo.

(*) Monsenhor Jonas Abib é Fundador da Comunidade Canção Nova, presidente da Fundação João Paulo II, mantenedora do Sistema Canção Nova de Comunicação, em Cachoeira Paulista (SP).

 

 

1 COMENTÁRIO

  1. O ser humano tem que se despojar dos bens materiais como primordial e ter Jesus Cristo como meta para a vida. Penso que procedendo assim seremos mais tolerantes, pacíficos e humanitários para com todos e haveria pão suficiente todos os dias.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here