Nova base fica localizada na antiga sede do Dnit, próxima do final da Avenida Presidente Médici – (Foto: Arquivo)

 

O Corpo de Bombeiros de Rondonópolis deve começar a atuar em sua nova base descentralizada a partir da próxima quinta-feira (9). Localizada na antiga sede do Dnit, que fica próxima do final da Avenida Presidente Médici, a nova base descentralizada terá a função de aproximar a corporação daquela que é uma das mais populosas regiões da cidade, assim como das rodovias federais BR 163/364, o que facilitará o trabalho dos bombeiros e diminuirá o tempo de resposta ao atendimento de ocorrências nessa região.

De acordo com o comandante-adjunto do Corpo de Bombeiros no Estado, o coronel Vanderlei Bonoto, não haverá uma inauguração oficial da mesma na ocasião, até para evitar a aglomeração de pessoas e a possível proliferação do coronavírus, mas uma solenidade ainda deve ser marcada futuramente. “Nós vamos começar o trabalho naquela base, que já está pronta, e logo pela manhã já sairemos de lá para a nossa primeira operação, que será a desinfecção de locais de grande aglomeração de pessoas, como já fizemos em Cuiabá e Várzea Grande e agora iremos fazer em Rondonópolis”, informou.

 

 

————  CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE  ————
————————————————————————————

 

 

Os primeiros locais a serem desinfectados serão Rodoviária, a Unidade de Pronto Atendimento (Upa) e o Ganha Tempo, mas a ideia é firmar uma parceria com a Prefeitura, que entraria com os produtos necessários para o serviço, para que a operação seja estendida para outros locais onde ocorrem grande aglomeração de pessoas. A desinfecção de locais públicos é importante, pois pode infectar novamente, mas a gente volta lá e desinfecta novamente. Isso somado aos cuidados das pessoas, nós vamos diminuir a incidência do coronavírus. Mas nada impede que a Prefeitura faça uma parceria com a gente, entrando com o material. Nós vamos fazer um trabalho aqui no Batalhão para nivelar o conhecimento e depois vamos propor para a Prefeitura uma parceria. Ela passa os materiais e o nosso pessoal faz a desinfecção de outros locais. Isso na nossa avaliação é muito importante”, completou Bonoto.

Essa desinfecção consiste na aplicação de produtos químicos diluídos em água, aplicadas com a utilização de bombas costais, que eliminam todos os tipos de vírus onde são aplicados. A nova base descentralizada contará com uma estrutura de cerca de 20 bombeiros militares e um caminhão de combate a incêndio e uma ambulância e equipe do Samu.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here