Deputado estadual Thiago Silva: “Não é o momento de rescindir os contratos, o que geraria grande caos na economia do Estado”

 

O deputado estadual Thiago Silva, que é presidente da comissão de educação da Assembleia Legislativa, endossou o pedido da sociedade e demais parlamentares para que o Governo efetive o quanto antes o contrato temporário de 10 mil profissionais da educação estadual.

Segundo o parlamentar, desde janeiro estes profissionais interinos estão sem receber e, com a pandemia, é preciso que o Governo efetive a sua contratação, pois alguns professores já até deram aula este ano, então precisam ser regularizados neste momento de crise.

“Esses profissionais servem a educação estadual e precisam o quanto antes que a Seduc regularize o contrato e pagamento desses funcionários, pois eles dependem dessa compensação financeira, principalmente agora na pandemia do novo coronavírus. Não é o momento de rescindir os contratos, o que geraria grande caos na economia do Estado”, disse Silva.

Os deputados Botelho, Lúdio e Barranco também solicitaram que o governador Mauro Mendes resolva esta situação que está deixando inseguros os contratados da educação.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here