Afonso João Silva (PCdoB), líder do acampamento Renascer União Vitória, em Jaciara, foi assassinado na última sexta-feira (14) – (Foto: Divulgação)

 

Partidos políticos estão cobrando investigação e punição para o assassinato de Afonso João Silva, presidente do PCdoB de Jaciara, ocorrido na última sexta-feira (14) na zona rural do município. Além do próprio PCdoB, o Partido Socialista Brasileiro (PSB), o Solidariedade (SD), o Partido dos Trabalhadores (PT), o Partido Verde (PV), a REDE Sustentabilidade e o Partido Republicano da Ordem Social (PROS) integram a lista de legendas que pedem esclarecimentos sobre o caso, com características de execução.

Afonso foi assassinado na noite de sexta-feira (14/2), na residência em que morava no Assentamento União da Vitória, com tiros de pelo menos duas armas, sendo uma calibre .12 e outra calibre .38. O presidente estadual do PCdoB, professor Sérgio Negri, disse que é preciso aguardar a investigação, mas destaca a brutalidade do crime. “Nós iremos cobrar um posicionamento do secretário de Estado de Segurança Pública nesta quarta-feira (19) em Rondonópolis, e nesta quinta-feira vamos nos reunir com o delegado regional para cobrar rigor na investigação”, disse à reportagem.

Conforme informado pelo Comitê Estadual do PCdoB, trata-se da ocupação de uma área federal e a luta pela posse da terra passou por tensões ao longo do processo, envolvendo os assentados e uma usina de produção de etanol. “No entanto, nos últimos meses se aguardava a decisão da justiça, em função disso a situação estava relativamente apaziguada. As lideranças do assentamento comprovaram que a terra era da União, mas a área ainda não foi loteada”,diz a nota.

Afonso atuava no PCdoB há mais de 10 anos, e chegou a ser candidato a vereador em Jaciara. Em nota, o Partido dos Trabalhadores (PT) em Mato Grosso destacou a luta de Afonso em prol a reforma agrária e também cobrou celeridade e rigor nas investigações, lembrando sobre a disputa judicial que está em andamento com relação as terras do Assentamento União da Vitória, de qual Afonso era uma das principais lideranças.

 

2 COMENTÁRIOS

  1. O país precisa fazer mudanças urgentes, a mais de 10 (dez) anos o Afonso luta por esta terra que na verdade é da UNIÃO, se tivessem resolvido este impasse de entregar os lotes pros parceleiros ou retirá-los da terra este assassinato não teria acontecido, pois sabemos que o único líder que segurou um grupo por tanto tempo foi MOISES com destino a terra prometida, não tem justificativa pra tirar a vida de um ser humano desta forma, seu legado fica na historia, vai com DEUS meu amigo

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here