Pioneiro Nilton Dorileo faleceu aos 64 anos de idade

Foi sepultado por volta das 10 horas da manhã deste sábado (15), no Cemitério da Vila Aurora, o corpo do pioneiro Pedro Nilton Dorileo, 64 anos. Ele faleceu por volta das 7 horas da última sexta-feira (14), em um hospital em Cuiabá, tendo como causa do falecimento infecção generalizada. Além disso, sofria com problemas de diabetes. Ficou mais de 30 dias internado no hospital e os últimos quatro dias de vida na UTI.

Nilton Dorileo era formado em Economia, mas recentemente era aposentado e morava na Vila Paulista. Nasceu em Cuiabá, mas chegou em Rondonópolis no ano de 1962 e, na sua trajetória na cidade, sempre foi atuante nos bastidores da política local, mas nunca disputou cargo eletivo. Era filho do pioneiro Pedro Gonçalves Dorileo, falecido que era servidor público do antigo Departamento Nacional de Estradas de Rodagem (DNER). Ele deixa cinco filhos e seis netos, além de cinco irmãos.

O pioneiro Nilton Dorileo é irmão do Lelo Carioca, flamenguista que fez de tudo um pouco em Rondonópolis e se tornou uma das pessoas mais conhecidas da cidade.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here