Menino sofreu acidente no dia 10 de janeiro em creche de Campo Verde – (Foto: Divulgação)

 

Após 11 dias em coma, criança segue se recuperando na UTI Pediátrica – (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil abriu inquérito para a apurar como um bebê de um ano e três meses foi parar na UTI Pediátrica da Santa Casa de Rondonópolis, após supostamente sofrer um acidente em uma creche. O menino, de Campo Verde, teria se machucado em uma espécie de hotelzinho particular em que ficava todos os dias.

O caso aconteceu no dia 10 de janeiro, e a criança segue hospitalizada. O estado de saúde dela ainda é preocupante, mas o menino já apresentou melhora, visto que chegou a ficar em coma por 11 dias. No momento, o bebê apresenta a mobilidade reduzida, mas segue em recuperação.

Segundo as informações, a família foi comunicada sobre uma possível queda da criança e que a mesma havia sido levada para o Hospital de Campo Verde. No local, foi informada que a criança deu entrada na unidade com um corte na testa e grande inchaço na nuca. Diante da gravidade do caso, ele foi transferido para o Hospital Regional de Rondonópolis. Do Regional, foi novamente transferido, desta vez para a Santa Casa, único hospital da região que possui UTI Pediátrica.

Neste sábado (25), o menino completa 15 dias hospitalizado e os pais ainda desconhecem o que provocou tamanhos ferimentos. A direção do hotelzinho não soube informar aos pais o que realmente aconteceu, e até mesmo três versões para o acidente já chegaram ao conhecimento da família.

Os pais, uma pessoa que prestou socorro ao bebê e uma das cuidadoras do hotelzinho já prestaram depoimento para a polícia, e agora a investigação deve ouvir os demais funcionários. Como o bebê está internado em Rondonópolis, e a família é de Campo Verde, os pais da criança precisaram se afastar do trabalho para cuidar da criança.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here