Hoje a Prefeitura de Rondonópolis realiza pequenas cirurgias e cirurgias eletivas em hospital de Poxoréu – (Foto: Arquivo)

 

Uma emenda apresentada à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e na Lei Anual Orçamentária (LOA) garante um recurso de R$ 3 milhões para a implantação do Hospital Municipal de Rondonópolis (HMR). A emenda foi apresentada pelo vereador Adonias Fernandes (MDB), que é presidente da Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara Municipal, e o valor já consta no orçamento municipal para o ano.

De acordo com o autor da emenda, o dinheiro já estará à disposição do Executivo para ser utilizado já nesse ano e o novo hospital possibilitará realizar pequenas cirurgias e cirurgias eletivas na cidade, ao contrário do que acontece hoje, quando a Prefeitura envia passageiros da cidade para realizarem pequenos procedimentos na cidade de Poxoréu.

“Hoje, contamos com a Santa Casa e o Hospital Regional, que atendem não só Rondonópolis, mas a região Sul/Sudeste inteira e, como está, não é possível suprir a demanda. Até pequenas cirurgias estamos tendo que mandar para outras cidades. Uma cidade como a nossa precisa ter a própria estrutura, com urgência”, defendeu Adonias Fernandes.

 

“Uma cidade como a nossa precisa ter a própria estrutura, com urgência”, defendeu o vereador Adonias Fernandes – (Foto: Arquivo)

 

No entendimento do vereador, não haveria a necessidade de se construir uma nova estrutura físcia para abrigar o HMR, pois há inúmeros prédios já construídos, públicos e privados, onde a estrutura hospitalar poderia ser instalada. “É possível transformar um desses espaços em um hospital, porque hoje o município só tem a UPA, que é uma Unidade de Pronto Atendimento e não um hospital”, completou.

Segundo o parlamentar, ele já vem articulando a ideia desde o último mês de julho, quando ocorreu a visita do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em Rondonópolis, para quem entregou um pedido de recursos para o HMR. “Depois disso, o ministro solicitou a Secretaria Municipal de Saúde que fosse feito o credenciamento junto ao Sistema Único de Saúde (SUS) para que o recurso seja garantido por parte do Governo, para atender essa nova unidade e já estamos trabalhando nisso”, explicou o vereador.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here