Luan e Gustavo Gómez ajudaram Verdão a obter ótimos números defensivos em 2019 – (Foto: Arquivo/Fabio Menotti/Ag Palmeiras)

 

O Palmeiras encerrou 2019 como o time de Série A que menos sofreu gols durante toda a temporada: foi vazado 44 vezes em 68 jogos (sem contar amistosos), seguido pelo São Paulo, com 47 sofridos em 60 partidas. O Alviverde ainda passou a régua no ano como dono da menor média de gols sofridos (0,65 contra 0,75 do Grêmio – esta, inclusive, é a sexta melhor média do Verdão em 105 anos de história) e o maior índice de jogos sem ser vazado (não sofreu gol em 52,94% de seus jogos, seguido do Grêmio, que ficou sem ser vazado em 52,05% de suas partidas).

APROVEITAMENTO DA ARENA

Inaugurado em 2014, a Arena Palmeiras viu em 2019 o Verdão ter seu melhor aproveitamento de pontos em uma temporada: foram 26 jogos, 18 vitórias, 5 derrotas e apenas 3 derrotas (com 42 gols marcados e 12 sofridos), o que dá um índice de 76% de aproveitamento contra 75% de 2017, 73% de 2016, 71% de 2015 e 2018 e 17% de 2014. Esse também foi o ano com maior índice de vitórias (69%, ao lado de 2016), o menor percentual de derrotas (12%, contra 14% de 2017) e a menor média de gols sofridos (0,46, seguido de 2016, com 0,66).

INVENCIBILIDADE

Na 10ª rodada do Brasileirão deste ano, o Alviverde chegou a 33 partidas sem derrota na principal competição do país (somando outras 23 de 2018) e bateu o próprio recorde de invencibilidade em sua história, que até então pertencia à Segunda Academia, imposto entre 1972 e 1973, com 26 partidas invictas. O Verdão ainda passou a ser detentor da terceira maior série geral da história do Campeonato Brasileiro em todos os tempos, atrás apenas do Santa Cruz (35 jogos invictos entre 1977 e 1978) e do Botafogo (42 jogos, também entre 1977 e 1978).

MAIOR SEQUÊNCIA INVICTA COMO MANDANTE

Neste Campeonato Brasileiro, com o empate por 1 a 1 contra o Bahia na 33ª rodada, o Palmeiras atingiu também o recorde de invencibilidade como mandante na principal competição nacional em toda a sua história: foram, ao todo, 32 duelos sem derrota (26 vitórias e 6 empates) – o recorde anterior havia sido estabelecido entre 1985 e 1987, quando o time ficou por 27 jogos sem perder.

NA LIBERTADORES

O Palmeiras ampliou em 2019 o recorde de clube brasileiro com mais gols na história da Libertadores. Com as 21 bolas na rede este ano, o time alviverde chegou a 330 no total e está na 10ª colocação do ranking geral de clubes – o líder é o River Plate-ARG, com 573.

Outros recordes ampliados foram o de clube brasileiro com mais gols fora de casa (o Verdão balançou as redes nove vezes como visitante em 2019 e chegou a um total de 136 tentos) e o de clube brasileiro com mais vitórias fora de casa (foram três em 2019, alcançando um total de 36). Além disso, o Palmeiras segue como o segundo brasileiro com mais vitórias no geral da competição, com 98 triunfos, atrás apenas do Grêmio, com 101.

Dono da melhor campanha na fase de grupos da Libertadores pelo segundo ano consecutivo (15 pontos de 18 disputados), o Verdão ganhou posições em dois rankings em 2019: o de gols como mandante e o de vitórias como mandante. Com os 12 gols em casa marcados nesta temporada, o time alviverde chegou a 194 e ultrapassou o São Paulo, que parou nos 189, ficando está atrás apenas do Cruzeiro, com 201. Já na lista de vitórias como mandante, o Palmeiras chegou a 62 com os quatro triunfos deste ano e superou o Cruzeiro, que venceu apenas duas e chegou a 61 – o líder é o Grêmio, com 69, seguido do São Paulo, com 68.

A edição de 2020 será a quinta consecutiva do Palmeiras na Libertadores (ampliando o recorde do clube, que havia sido obtido em 2019 com quatro seguidas) e a 20ª no geral (o que mantém o Verdão como um dos brasileiros que mais disputaram a competição ao lado do Grêmio e do São Paulo).

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here