Adonias Fernandes: “temos que pensar no fortalecimento de Rondonópolis” – (Foto: Arquivo)

 

O vereador Adonias Fernandes (MDB), está defendendo a união da classe política da cidade em torno de uma candidatura local ao Senado Federal, na eleição suplementar para preencher a vaga deixada por Selma Arruda, que teve o seu mandato cassado pela Justiça Eleitoral.

“Foi lamentável uma senadora, pela primeira vez na história de Mato Grosso, ser cassada, mas já que ocorreu, Rondonópolis que é a única cidade no país que já teve três senadores, porém vem perdendo força política para a Baixada Cuiabana e Nortão, tem que se organizar para aumentar sua representatividade política em Brasília. Temos o senador Wellington Fagundes, que tem apenas mais três anos de mandato, agora teremos que eleger mais um e que seja daqui”, afirma o emedebista.

Ele avalia que não adianta pensar numa candidatura que tem densidade eleitoral apenas em Rondonópolis. “Nós precisamos de uma candidatura daqui, mas forte no Estado de Mato Grosso, que tenha penetração em todos os municípios. Hoje, Rondonópolis e região tem o ex-governador Blairo Maggi (PP), que é muito forte e precisa vir a cidade fomentar sua provável candidatura ao Senado. O nome de Adilton Sachetti (PRB), também é muito forte e ele é daqui. São lideranças fortes e precisamos da unidade em torno delas”.

Para o vereador, até o presidente estadual do MDB, deputado federal Carlos Bezerra, que possui domicílio eleitoral em Rondonópolis, poderá vir para a disputa. “Precisamos saber quem está disposto a liderar este processo. Tem que esquecer a vaidade e pensar no fortalecimento de Rondonópolis e região para elegermos um senador da nossa região”, completou.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here