Unidade de saúde aparenta estar pronta, mas não tem prazo de entrega – Patrícia Cacheffo

 

A Prefeitura de Rondonópolis entregou, na última semana, a creche da Comunidade Padre Miguel, que fica ao lado do bairro Lúcia Maggi, que deve beneficiar centenas de crianças. A obra fazia parte de um pacote lançado no primeiro mês da gestão, em janeiro de 2017, contando ainda com uma Unidade de Saúde e um Centro Comunitário. Os prazos de entrega dessas obras eram outubro e novembro de 2017 mas, passados dois anos, somente a creche foi finalizada.

 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

 

As placas fixadas nas obras que são realizadas pela Prefeitura de Rondonópolis, e ainda não foram entregues, mostram que elas tiveram o início dos trabalhos no dia 16 de janeiro de 2017. No caso da Unidade Básica de Saúde, a obra custa aos cofres públicos R$ 563.786,93 e deveria ter sido finalizada em 16 de novembro de 2017, conforme a placa existente no local.

 

Obras fazem parte do primeiro pacote lançado pela atual gestão, em 2017 – Patrícia Cacheffo

 

Já o Centro Comunitário custa R$ 144.563,70 e deveria ter sido entregue em 16 de outubro de 2017. Nos locais, visitados pela reportagem ontem (15), não havia nenhum trabalhador ou sinais de obra em andamento. Apesar de aparentemente com os serviços em fase final, elas seguem sem uso para a população.

 

Centro Comunitário também está pronto, mas não é utilizado ainda – Patrícia Cacheffo

Há aproximadamente seis meses, a reportagem trouxe a situação à tona e, na ocasião, o Município informou que a Unidade de Saúde e o Centro Comunitário seriam entregues em novembro deste ano. Contudo, isso não aconteceu. Questionamos então, novamente, a Prefeitura sobre o prazo para entrega das obras, mas não fomos respondidos.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here