Foto: Divulgação/Athletico Paranaense

 

Vasco e Athletico Paranaense fizeram um duelo muito movimentado no Rio de Janeiro (RJ), em jogo válido pela 20ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Jogando para um estádio de São Januário lotado, os donos da casa viram Madson cumprir a ‘lei do ex’ e inaugurar o marcador. No entanto, Danilo Barcelos, de pênalti, deixou tudo igual.

No embalo da torcida, o Vasco começou o jogo tentando pressionar o Athletico logo nos primeiros minutos. A melhor chance do time carioca aconteceu logo aos 13 minutos de partida, quando Danilo Barcelos cobrou escanteio e Oswaldo Henríquez subiu livre, na marca da pequena área, mas cabeceou para fora.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Whatsapp: (66) 99603.9677


 

 

Já nos minutos finais, aos 43, a equipe rubro-negra esteve muito perto de abrir o placar em São Januário. Rony foi lançado nas costas da zaga e saiu de cara com o goleiro Fernando Miguel. O atacante bateu com força, mas o camisa 1 fez grande defesa, colocando a bola para escanteio.

O segundo tempo começou de forma eletrizante. Logo aos três minutos, a ‘lei do ex’ fez mais uma vítima. Abner Vinícius cobrou falta da direita, e o lateral Madson aproveitou a saída errada de Fernando Miguel e testou para o fundo da rede: 1 a 0 para o Furacão.

A partida ficou lá e cá, até que, aos 21 minutos, a arbitragem assinalou pênalti para o Vasco. Danilo Barcelos foi para a cobrança, o goleiro Santos ainda tocou nela, mas os donos da casa deixaram tudo igual: 1 a 1. Aos 40, o time de Vanderlei Luxemburgo chegou a balançar as redes novamente, desta vez com Raul, mas Henríquez cometeu falta no goleiro Santos, invalidando o lance. Com isso, a igualdade se manteve até o apito final.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here