Greve nos Correios afeta 16 mil entregas diárias na cidade

2492
Em Rondonópolis, greve teve grande adesão de trabalhadores – Patrícia Cacheffo

 

Os funcionários dos Correios entraram em greve geral por tempo indeterminado. O movimento foi decretado na noite de anteontem (10) em assembleias realizadas em diferentes estados do país e, na manhã de ontem (11), os trabalhadores já amanheceram com os braços cruzados. Sindicatos de 23 estados e do DF confirmavam ter aderido à greve e, em Rondonópolis, não foi diferente.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


 

 

Dos 75 funcionários dos Correios na cidade, a grande maioria paralisou as atividades, segundo o Sindicato dos Trabalhadores dos Correios (Sintect/MT). Com isso, haverá prejuízo na distribuição de correspondências, que diariamente giram em torno de 16 mil a serem entregues no município. Segundo informado, somente o serviço Sedex ficará em funcionamento durante a greve.

A categoria pede, entre outros pontos, a reposição da inflação do período. O representante do Sintect/MT, em Rondonópolis, Everaldo Nunes de Souza, explica que as negociações já se arrastam há algum tempo, mas que não houve avanço. “Nem mesmo com a mediação do TST [Tribunal Superior do Trabalho] houve diálogo, a empresa sequer sentou para negociar. Com isso, a única forma de buscarmos nossos direitos foi a greve”, explicou.

Os Correios são uma das estatais que o governo federal pretende privatizar, o que também é alvo de críticas por parte dos trabalhadores. Além disso, eles querem a reconsideração da retirada de pais e mães do plano de saúde, melhores condições de trabalho e outros benefícios, e a manutenção de direitos.

 

CONTAS

Vale lembrar que a greve dos Correios não isenta o pagamento das contas, mesmo que tenham sido recebidas após o prazo de vencimento. O consumidor deve procurar as empresas que enviam cobrança pelos Correios antes do vencimento das contas, para evitar ter de pagar multas.
Uma alternativa é consultar os boletos no site, call center ou no aplicativo das empresas, já que hoje em dia é muito comum que as companhias disponibilizem as cobranças nesses canais. Somente no caso da empresa não oferecer nenhuma alternativa para o pagamento, a conta deve ter o prazo prorrogado e cobrança de encargos pode ser questionada.

 

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here