Amor é luz

140

 

(*) Francisco Assis

Quem vive uma história de amor
Sabe das faces que ele tem
Sua intensidade o valor
O novo horizonte de alguém.
Ele tem o poder da cura
De transformar o universo
Não tem peso nem estrutura
E adora viver submerso.
A princípio no coração
Seu lugar mais preferido
O amor é luz na escuridão
Comprovadamente vivido.
É abstrata uma miniatura
Porém sensível por existência
A melhor música em partituras
O salutar da ciência.
Tem alto teor nutritivo
E abona a felicidade
Só o amor pode lhe manter vivo
O resto uma mera saudade.
Ele é mágico em forma de par
Não tem preço menos oferta
E só bem vive quem sabe amar
Um sonho nobre quando desperta.
Portanto ame em demasia
Arranque dele as fortes emoções
O seu prazer não silencia
Em qualquer que seja das estações.

(*) Francisco Assis Silva é poeta e militar – email:
[email protected]

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here