Foto: Divulgação

 

VALE TUDO I
E ontem, foi realizada em Rondonópolis uma audiência pública promovida pela Assembleia Legislativa, para debater temas importantes da agricultura familiar em toda região. Detalhe: houve uma tentativa de esvaziamento dessa audiência por forças políticas aqui de Rondonópolis, já que a mesma foi requerida pelo deputado Thiago Silva (MDB).

VALE TUDO II
Soubemos, inclusive, que para um evento na zona rural teve até ônibus disponibilizado, levando assim muitos dos pequenos produtores das proximidades de Rondonópolis que poderiam participar da audiência aqui da cidade.

VALE TUDO III
Mas, parece que alguém duvidou da capacidade do deputado em levar público, pois a audiência teve grande participação dos produtores. Curiosamente, após o deputado Thiago confirmar ao A TRIBUNA que é pré-candidato a prefeito da cidade, os bastidores políticos começaram a ferver.

VALE TUDO IV
Eu que não tenho nada com isso, fico só assistindo e contando pra vocês!

 

NO MONEY I
E o Estado de Mato Grosso, assim como as famílias brasileiras, parece estar sem dinheiro para pagar as dívidas. A bola da vez, é que o governo não tem como quitar a parcela de 35 milhões de dólares, o equivalente a R$ 140 milhões, do empréstimo com o Bank Of America, que vence no próximo dia 10 de setembro. Ah, herança de Silval Barbosa também!
NO MONEY II
Tal situação pode agravar, ainda mais, a crise enfrentada pelo Governo de Mato Grosso por falta de dinheiro em caixa para honrar compromissos, e, pode até afetar pagamentos de salários de servidores, que já estão recebendo de forma parcelada.
NO MONEY
“Agora estou pedindo até ajuda dos céus”, disse Mauro Mendes (DEM). Se ele está, imagina só a coleguinha da coluna! Agora, é preciso lembrar que ele estava lá tocando os negócios e não foi obrigado a entrar na disputa e virar governador, não é!? Então… Te vira, “rapá”!

 

 

FUMAÇA I
No ano passado, na segunda quinzena de agosto, fomos abençoados com uma boa chuva fora de época que acabou com a fumaça em Rondonópolis. Fé no pai que vai chover de novo, meu povo!

FUMAÇA II
Inclusive, nessa chuva, tivemos o registro de veículos atolados lá nas proximidades do Terra Nova, já que devido aos entulhos jogados na erosão da Avenida W11, a água ficou represada e a região virou um lamaçal. Foi lá que a nossa querida presidente da Coder, Nívea Calzolari, na época secretária de Infraestrutura, quase perde o Corolla na lama!

FUMAÇA III
Por que estamos lembrando disso? É que um ano se passou e nada mudou… Quer dizer, pra não ser injusto, a secretária mudou de cargo. O problema continua lá, assim como os outros do período chuvoso passado também continuam em outros bairros.

 

ANEL VIÁRIO I
O resultado das empresas habilitadas para seguir na licitação do Anel Viário evitou uma situação que, no mínimo, seria cômica… Se não fosse trágica.
ANEL VIÁRIO II
Imagina você… Uma empresa ganhar uma licitação, devolver um pedaço do seu serviço depois do contrato assinado e ninguém falar nada. Anos depois, uma empresa coirmã vencer uma licitação para recuperar justamente aquele serviço que a amiguinha não fez!? Rapaz… Seria bem Mato Grosso, inédito!

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui